Estilo John Wick? Conheça A Bailarina, novo filme de ação da Netflix

Imagem de: Estilo John Wick? Conheça A Bailarina, novo filme de ação da Netflix
Imagem: Netflix/Divulgação

O thriller de ação sul-coreano A Bailarina é uma das principais estreias da Netflix nesta sexta-feira (6). Com uma trama sobre vingança e belas cenas de lutas coreografadas, o filme promete entreter os fãs da popular franquia John Wick.

Para quem se interessou pela nova produção do streaming vermelho, o Minha Série conta um pouco da trama. Também veja algumas curiosidades sobre os bastidores do filme asiático.

Qual é a história de A Bailarina?

A Bailarina começa com o reencontro de duas ex-colegas de classe: a guarda-costas Ok-ju (Jun Jong-seo) e a bailarina Min-hee (Park Yu-Rim). Após se aproximarem novamente, as amigas passam a se apoiar diante dos momentos difíceis que enfrentam.

Entretanto, tudo muda quando Ok-ju encontra o corpo da amiga e uma carta enigmática pedindo vingança. Então, a protagonista decide usar as habilidades de defesa e investigação para encontrar os culpados do assassinato.

Assim, a jovem inicia uma caçada contra Choi Pro (Kim Ji-hoon), um rapaz sádico e perigoso. Para chegar até o suspeito da morte da amiga, a heroína terá que mergulhar no submundo de gangues e drogas de Seul, na Coreia do Sul.

A partir daí, o espectador segue a tensa jornada de Ok-ju para vingar a morte da melhor amiga. Um caminho sangrento com várias cenas de lutas corpo-a-corpo, momentos de tiroteios e vários outros conflitos contra os vilões.

Interpretando Ok-ju, a atriz Jun Jong-seo mostra uma atuação que equilibra drama e ação.Interpretando Ok-ju, a atriz Jun Jong-seo mostra uma atuação que equilibra drama e ação.Fonte:  Netflix/Divulgação 

Os bastidores de A Bailarina

A Bailarina é o segundo longa-metragem dirigido pelo sul-coreano Lee Chung-hyun. O cineasta, que fez a estreia no suspense policial A Ligação (2020), também assina o roteiro do thriller de ação da Netflix.

Outro detalhe curioso é que essa é a segunda vez que a atriz Jun Jong-seo trabalha com Chung-hyun. Uma das estrelas de La Casa de Papel: Coreia também teve um importante papel em A Ligação.

Para os fãs de música sul-coreana, a trilha sonora de A Bailarina foi composta pelo rapper e produtor musical GREY. Com isso, o material cria uma atmosfera tensa e enigmática usando faixas de música eletrônica.

Por fim, vale esclarecer que o longa-metragem sul-coreano não tem relação com Ballerina, aguardado spin-off de John Wick. A produção norte-americana estrelada por Ana de Armas está prevista para ser lançada em 2024.

Você sabia que o TecMundo está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.