Stranger Things: saiba tudo sobre o mundo invertido

Imagem de: Stranger Things: saiba tudo sobre o mundo invertido
Imagem: Netflix

Stranger Things é uma das séries mais assistidas da Netflix. O seriado, que acompanha as aventuras de Eleven, Mike, Dustin, Lucas, Will, Max e muitos outros, cativou milhares de pessoas ao redor do mundo, com um estilo de narrativa que mistura os gêneros teen, comédia, aventura e terror.

A essência do medo envolvendo a série está diretamente conectada com o mundo invertido, um local horripilante e com uma aparência pós-apocalíptica, que tende a ser o lar de grande parte dos problemas dos personagens da série.

Além de chamar a atenção de cientistas e dos governos russo e estadunidense, o mundo invertido também é a casa dos Demogorgon, demônios e provedores do mal para a história da série da Netflix, sendo uma ameaça para o futuro e o bem-estar de todos os personagens de Stranger Things.

Os Demogorgons. (Fonte: Netflix/Reprodução)Os Demogorgons. (Fonte: Netflix/Reprodução)Fonte:  Netflix 

Por conta dessa enorme importância no enredo de Stranger Things, chegou a hora de entender um pouco mais sobre os mistérios do mundo invertido.

O que é o mundo invertido?

Bem, uma coisa é sabida com alguma certeza: o mundo invertido é uma espécie de outra dimensão, uma realidade que existe paralelamente ao universo onde os personagens vivem.

Por um tempo, os personagens da série também chamaram a outra dimensão de “Vale das Sombras”, fazendo uma referência à explicação presente no livro de regras de Dungeons & Dragons. “Está bem perto de você e você nem mesmo vê”, diz a descrição feita pelo RPG.

O mundo invertido é fisicamente igual à realidade, com as mesmas construções, ruas, florestas e afins, mas com o espaço e o tempo distorcidos. Além disso, os locais conhecidos estão tortos, vazios, horripilantes e parecem simulações. Resumidamente, é como se fosse uma versão sombria, grotesca e sem vida do mundo real.

Quem mora no mundo invertido?

Nesta dimensão alternativa, existem várias coisas, mas a maioria pode ser definida como problemas para os personagens da série. Até o momento, no seriado, apenas duas espécies de criaturas foram apresentadas.

A maior e mais temida delas é o Devorador de Mentes, também conhecido como Monstro das Sombras. Ao que tudo indica, a fauna e a flora do mundo invertido estão conectadas a uma mente coletiva, que é comandada pelo Devorador de Mentes. Portanto, ele controla todos os seres que existem na dimensão alternativa.

Dessa forma, ele também pode se conectar às mentes de humanos ligados à realidade paralela, como fez com Will e Eleven, para ter acesso ao mundo real e tentar dominar também a dimensão dos personagens da série.

Como dito anteriormente, o mundo invertido também é o lar dos Demogorgons, uma espécie de predadores humanoides que atacam os personagens de Stranger Things. Eles também são maneiras de o Devorador de Mentes tentar dominar o mundo real.

O Devorador de Mentes. (Fonte: Netflix/Reprodução)O Devorador de Mentes. (Fonte: Netflix/Reprodução)Fonte:  Netflix 

Quem já foi parar lá?

Para chegar ao mundo invertido, é preciso atravessar algum dos portais ou fendas que foram abertos acidentalmente por Eleven, inicialmente no Laboratório de Hawkins, e, depois, descoberto em outros lugares da cidade.

Um grande número de personagens da série já acabaram no mundo invertido. Na 1ª temporada, Will Byers passa boa parte da season perdido lá dentro, enquanto sua família o procura.

Além dele, as vítimas dos demogorgons, Barbara Holland e o cientista Shepard, também estiveram lá. O resgate de Will foi outro fator que levou pessoas para o mundo invertido. Joyce Byers e Jim Hopper precisaram entrar na realidade paralela para buscar o rapaz.

Ainda durante a busca feita na 1ª temporada, Nancy Wheeler e Jonathan Byers entraram por uma das fendas que leva para a outra dimensão enquanto investigavam a existência da realidade paralela. E, por fim, Eleven é outra personagem que já esteve no mundo invertido.

Teoria sobre o mundo invertido ser o futuro

Os fãs de Stranger Things já criaram algumas teorias mirabolantes sobre o que é a realidade paralela onde os demogorgons e o Devorador de Mentes vivem.

Uma ideia que ganhou força entre os fãs é a possibilidade do mundo invertido ser o planeta Terra em um futuro pós-apocalíptico. Dessa forma, seria a mesma dimensão, mas em um espaço-tempo diferente.

A base dessa teoria define que Eleven, em vez de abrir um portal para outra dimensão, acabou abrindo um buraco no continuum espaço-tempo. Assim, quando as pessoas passam pelo portal, elas saem de 1980 e vão para o futuro.

De acordo com a teoria, o mundo está dessa forma no futuro por conta dos russos, que fizeram a ligação entre os monstros e a realidade humana. Para impedir o avanço do Devorador de Mentes, o exército estadunidense precisou bombardear Hawkins, criando o mundo invertido que conhecemos.

Outra vertente da teoria também vai à narrativa de um conflito entre os Estados Unidos e a Rússia. Entretanto, neste caso, o mundo invertido seria o planeta Terra após um holocausto nuclear e os monstros seriam uma consequência de mutações radioativas.

Ambas as possibilidades seriam o motivo pelo qual a realidade paralela aparenta estar em decomposição.

Relógio que aparece no teaser da 4ª temporada. (Fonte: Netflix/Reprodução)Relógio que aparece no teaser da 4ª temporada. (Fonte: Netflix/Reprodução)Fonte:  Netflix 

A teoria do mundo invertido ser a cidade de Hawkins no futuro também está se sustentando nos teasers apresentados pela Netflix, que mostram um relógio. Existe uma suspeita de que a 4ª temporada de Stranger Things tenha a temática de viagens no tempo, o que alimentaria ainda mais a suposição criada pelos fãs.

A 4ª temporada de Stranger Things deve estrear entre junho e setembro de 2022, mas já tem os nomes dos episódios e o elenco confirmados. Enquanto isso, você pode maratonar as outras três temporadas da série no catálogo da Netflix.