The OC: Adam Brody afirma que série não faria sucesso atualmente

Imagem de: The OC: Adam Brody afirma que série não faria sucesso atualmente
Imagem: Disney

Em entrevista para o podcast Welcome to the OC, o ator Adam Brody, intérprete de Seth Cohen em The OC, deu mais detalhes sobre um possível retorno da série e revelou a impossibilidade da produção fazer sucesso nos dias de hoje, sugerindo discussões sociais como as principais barreiras.

Exibida em quatro temporadas durante os anos de 2003 a 2007, The OC foi uma das séries adolescentes mais populares do início do século XXI, revelando questões relevantes sobre a rotina de famílias com realidades distintas que se relacionam na cidade americana de Newport Beach.

A partir dessa proposta, todos os envolvidos no drama passam a interagir em um sistema no qual se questionam laços familiares, relacionamentos, estudos e pessoalidades, e cada personagem interfere no meio ao lançar seus próprios problemas.

Sucesso absoluto de crítica, a série encerrou definitivamente em fevereiro de 2007 e todos os membros principais do elenco foram direcionados para outras produções, deixando seus carismáticos personagens de lado. E apesar dos fãs até hoje solicitarem o retorno do projeto de Josh Schwartz, uma nova declaração de Adam Brody sugere que ele já está mais do que enterrado e não deverá reaparecer nas telas, especialmente por ter que lidar com mensagens de desigualdades sociais que pode não chegar adequadamente aos telespectadores.

“Eu não acho que isso possa ser feito. Porque eu sinto que, socialmente, acho que estamos em um lugar diferente. E acho que estamos em um estado mais consciente", disse Brody. "Eu penso que The OC, embora afirme ser, em um sentido semelhante a Gossip Girl, e enquanto diga que é uma crítica — não é. É uma celebração, é uma celebração da riqueza, na minha opinião, você sabe, e obviamente, tipo, no cerne disso, há pessoas que são adoráveis."

(Fonte: Disney / Reprodução)(Fonte: Disney / Reprodução)Fonte:  Disney 

Adam Brody completa indicando que a série poderia ser reinicializada sem tratar cuidadosamente de seus temas com o público, funcionando apenas como conteúdo televisivo de escape e sem fazer o devido sucesso de outrora.

Você concorda com a declaração do ator? Deixe sua opinião nos comentários!