CEO da Apple, Tim Cook faturou quase US$ 100 milhões em 2021

1 min de leitura
Imagem de: CEO da Apple, Tim Cook faturou quase US$ 100 milhões em 2021
Imagem: Austin Community College /Wikimedia Commons
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Já imaginou quanto ganha o responsável pela gerência de uma empresa de US$ 3 trilhões? Na última quinta-feira (6), foram revelados alguns documentos enviados à Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC) indicando que o CEO da Apple, Tim Cook, recebeu US$ 98,7 milhões (cerca de R$ 561 milhões na cotação atual) em salários, ações e bonificações da empresa.

O salário anual do executivo é de US$ 3 milhões, contudo, ele também recebeu mais US$ 12 milhões em incentivos e outros US$ 82 milhões em recompensas de ações. Ou seja, ao todo, o CEO da Apple angariou quase US$ 100 milhões em apenas um ano.

Recentemente, a Apple foi avaliada em US$ 3 trilhõesRecentemente, a Apple foi avaliada em US$ 3 trilhõesFonte:  Unsplash 

Muito mais que US$ 100 milhões

Desde 2017, a Apple oferece voos privados e seguranças para Tim Cook e, por isso, o valor ficou um pouco mais alto. De acordo com as informações, a companhia gastou US$ 712 mil com viagens e outros US$ 630 mil em segurança, além de outros custos.

“Em 2021, comemoramos o 10º aniversário da liderança de Tim Cook como CEO. Tem sido uma década notável para a Apple e, em 2021, o Sr. Cook recebeu um prêmio de ações pela primeira vez desde que foi promovido a CEO em agosto de 2011”, revelou a Apple nos documentos enviados a SEC.

Além de todos os valores recebidos em 2021, Cook possui mais de US$ 750 milhões em ações. Ou seja, contabilizando as arrecadações dos últimos anos, o CEO da Apple já conquistou mais de US$ 1 bilhão.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.