Apple suspende vendas em loja online na Turquia

1 min de leitura
Imagem de: Apple suspende vendas em loja online na Turquia
Imagem: Unsplash
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

A Apple aparentemente suspendeu as vendas de praticamente todos os produtos disponíveis em sua loja online na Turquia, nesta terça-feira (23), em meio à grave crise econômica que atravessa o país, levando à desvalorização da lira turca. É o que relata o 9to5Mac.

Conforme a publicação, a versão turca do e-commerce da Maçã não permite aos consumidores adicionar produtos ao carrinho de compras nem avançar na transação para finalizar o pedido. Fizemos uma visita à página e também constatamos o problema.

Ao entrar no site, não há nada de anormal na loja online da Apple na Turquia. O visitante consegue ter acesso aos produtos, verificar os preços, conferir as informações técnicas de cada dispositivo, escolher cores e a capacidade de armazenamento (simulamos a compra de um iPhone 13 Pro), entre outros recursos customizados.

Os produtos aparecem como indisponíveis na loja online da Apple na Turquia.Os produtos aparecem como indisponíveis na loja online da Apple na Turquia.Fonte:  Apple/Reprodução 

Mas, ao tentar avançar para o carrinho de compras, surge uma mensagem indicando que o telefone está "Atualmente não disponível" (em tradução livre), não sendo possível prosseguir a partir daí. O mesmo acontece em relação a outros produtos comercializados na loja virtual, como iPads, Apple Watch e os fones de ouvido AirPods, para os quais também realizamos simulações.

Inflação em alta

O principal motivo apontado para a suspensão temporária das vendas de produtos da Apple Store na Turquia é a alta da inflação, fazendo os preços dos produtos dispararem no país, enquanto os salários seguem se desvalorizando. De acordo com a CNBC, a inflação local está perto de 20%.

Como menciona a emissora, o valor da lira turca vem caindo constantemente desde a última semana, além de ter apresentado uma desvalorização de 45% em relação ao dólar ao longo de 2020. E com a recusa do presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, em aumentar as taxas de juros, a tendência é de que o quadro atual continue.

Como a Apple ainda não se pronunciou sobre o assunto, não é possível afirmar que a paralisação das vendas foi realmente causada pela alta da inflação. Por enquanto, também não há informações sobre quando os consumidores poderão voltar a comprar na loja online da marca na Turquia.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.