Alphabet: ações da dona do Google disparam em alta histórica

1 min de leitura
Imagem de: Alphabet: ações da dona do Google disparam em alta histórica
Avatar do autor

Na última segunda-feira (30), as ações da gigante Alphabet, dona da Google, avançaram cerca de 0,68% e alcançaram um novo topo histórico em seu preço, de US$ 2.929,79 — ou R$ 15.158,44, em conversão direta. Com a alta, a empresa caminha para fechar o mês de agosto com 7,93% de lucro, em uma sequência positiva de quase oito meses.

Com o mercado otimista, a recente sequência de meses "verdes" da Alphabet é a maior registrada desde 2009, quando emplacou um total de 10 meses positivos. Até o momento, o movimento de alta já prevê um lucro anual de 67%, com uma capitalização de mercado próxima de US$ 2 trilhões — cerca de R$ 10,35 trilhões na atual conversão.

A marca já supera grande parte das empresas de tecnologia, com exceção da Apple e Microsoft, que permanecem no topo com US$ 2,52 trilhões e US$ 2,28 trilhões, respectivamente. Confira a trajetória de preço da Alphabet nos últimos anos:

Movimento de preço da Alphabet desde 2005. (Fonte: Bloomberg / Reprodução)Movimento de preço da Alphabet desde 2005. (Fonte: Bloomberg / Reprodução)Fonte:  Bloomberg 

Além do otimismo do mercado, a Alphabet também se beneficiou da retomada do nicho de publicidade digital, relatando um lucro maior do que esperado pelos analistas para o segundo trimestre. O Diretor de Investimentos da Center Asset Management, James Abate, comentou o caso: "A menos que vejamos uma quebra nas margens de alta ou no ímpeto das vendas, viveremos com uma valorização que pode parecer alta em relação à história."

Destaque entre as empresas de tecnologia, a alta da Alphabet "freou" o desempenho de suas concorrentes com praticamente o dobro de seu desempenho. Enquanto a Microsoft e Facebook cresceram cerca de 36% neste ano, a Apple valorizou pouco mais de 15%, deixando a gigante Amazon para trás, com apenas 6,15% de margem.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.