Starlink: antenas falham no calor e deixam usuários sem internet

1 min de leitura
Imagem de: Starlink: antenas falham no calor e deixam usuários sem internet
Imagem: Starlink/Reddit
Avatar do autor

A constelação de satélites Starlink, que promete oferecer sinal de internet a todos os recantos dos Estados Unidos, e talvez do planeta, é um empreendimento da SpaceX que impressiona pela sua grandeza, já tendo colocado em órbita quase dois mil desses objetos. No entanto, há um desafio que a empresa de Elon Musk não está conseguindo superar: a onda de calor no país.

Antes mesmo do início oficial do verão nos EUA, usuários têm reclamado que suas antenas parabólicas desligam depois de atingir a temperatura de 40ºC. Após um usuário do Arizona reclamar do problema no Reddit, vários casos surgiram em todo o país, levando o SAC da Starlink a admitir que essa temperatura é o valor limite para o funcionamento da antena.

Para ter uma rede Starlink em casa, é preciso que o usuário, além da mensalidade de US$ 99 (R$ 496), adquira também o kit com antena, tripé e roteador WiFi da SpaceX, disponíveis por US$ 499 (R$ 2,5 mil). Após a montagem do equipamento, a antena parabólica recebe o sinal de internet diretamente dos satélites. Mas, com o superaquecimento do prato, a antena desliga e a conectividade cai.

Solucionando os problemas das antenas da Starlink

Mensagem na antena do usuário do Arizona. (Fonte: u/SocietyTomorrow/Reddit/Reprodução)Mensagem na antena do usuário do Arizona. (Fonte: u/SocietyTomorrow/Reddit/Reprodução)Fonte:  u/SocietyTomorrow/Reddit 

Com a Starlink não se posicionando sobre a questão do superaquecimento dos pratos de suas parabólicas, aquele usuário do Arizona, que reclamou do problema pela primeira vez, adotou uma solução inusitada: colocou um sprinkler em cima da antena e mantém um jato de água escorrendo para resfriá-la durante os períodos mais quentes do dia. Porém, quando o usuário desliga a água, o prato volta a esquentar.

Logicamente, as equipes da SpaceX continuam percorrendo o país, em busca de solução para as diversas reclamações sobre desligamentos térmicos que surgem em diferentes localidades. Assumindo que o defeito pode estar relacionado a um problema de software, a empresa lançou duas atualizações neste mês e promete mais uma para as próximas semanas.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.
Starlink: antenas falham no calor e deixam usuários sem internet