Criador de cheats para PUBG Mobile tinha coleção de carros de luxo

1 min de leitura
Imagem de: Criador de cheats para PUBG Mobile tinha coleção de carros de luxo
Imagem: Polícia de Kunshan/Weichin
Avatar do autor

Um grupo de programadores conhecido como Cheat Ninja estava ganhando milhões na China com a venda de trapaças para jogos como PUBG Mobile, de acordo com uma reportagem da Vice. Os criminosos chegaram a faturar cerca de US$ 70 milhões e um dos chefes da maior "cadeia de cheats" do mundo possuía até mesmo uma coleção de carros de luxo.

A Tencent, que é responsável pela distribuição de PUBG Mobile, montou uma força-tarefa e, com o auxílio das autoridades locais, conseguiu rastrear e prender membros do grupo. A operação ficou conhecida como Chicken Drumstick, ou "coxinha de frango", em tradução livre. Em uma batida realizada na cidade de Kunshan em janeiro, a polícia capturou cerca de 10 pessoas ligadas à fabricação de cheats.

aaaaaa  Polícia de Kunshan/Weixin 

O principal nome por traz do grupo de programadores é "Catfish", um dos criadores do Cheat Ninja. Segundo a Vice, o programador chegava a ganhar US$ 400 mil por mês vendendo trapaças para o jogo mobile e, graças ao negócio, conseguiu angariar uma fortuna avaliada em US$ 46 milhões.

Outro membro importante do grupo de cheaters era conhecido como "Wang". De acordo com as autoridades, o vendedor de trapaças era um dos comandantes da cadeia global de cheats e possuía carros de luxo avaliados em US$ 3 milhões, incluindo uma Ferrari, uma Lamborghini e um Rolls-Royce. O patrimônio ainda incluía uma reserva de US$ 4 bilhões em Bitcoin.

Mercado invisível

Segundo define a polícia de Kunshan, a prática de vender cheats é "invisível" para as autoridades, apesar de ser lucrativo. De acordo com a Vice, existem criadores de trapaças que conseguem angariar até US$ 2 milhões mensais com a comercialização de cheats para jogos online.

As trapaças concedem benefícios irregulares em jogos online como PUBG Mobile e Call of Duty, incluindo o poder de olhar entre paredes e marcar adversários. A Activision está batalhando constantemente para derrubar jogadores que utilizam trapaças em Call of Duty Warzone.

A Tencent, por outro lado, é conhecida por atacar a raiz do problema e combater os responsáveis pela criação de trapaças. A empresa constantemente une forças com a polícia para derrubar grupos que comercializam cheats.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.
Criador de cheats para PUBG Mobile tinha coleção de carros de luxo