Dell e HP avisam: preço de PCs pode subir por falta de chips

1 min de leitura
Imagem de: Dell e HP avisam: preço de PCs pode subir por falta de chips
Imagem: Dell
Avatar do autor

Duas das mais tradicionais marcas do setor de PCs avisaram que a crise de chips no mercado de eletrônicos pode resultar em um aumento de preços no futuro próximo. A informação partiu tanto da Dell quanto da HP, que divulgaram seus respectivos relatórios financeiros do último trimestre.

O problema é que a ausência de chips está encurtando o estoque das fabricantes, que precisam manter as vendas em alta para equilibrar as finanças em crescimento durante a pandemia. E uma solução para evitar quedas bruscas pode envolver o aumento no preço final de eletrônicos.

"Tudo isso é sobre pedidos superando o estoque e criando esse ambiente favorável. Então, basicamente, é apenas a lei de oferta e demanda, que nos ajudou com valores melhores no trimestre", diz a chefe de finanças da HP, Marie Myers. O CFO da Dell, Thomas Sweet, tem uma opinião parecida: ele reforça que a situação não tem ajudado e que esse é um problema geral da indústria de tecnologia.

Bom trimestre, apesar de tudo

Apesar do alerta, ambas as empresas apresentaram crescimento na divisão de computadores — afinal, a demanda permanece alta desde o início da pandemia da Covid-19 e os estoques seguem reduzidos.

Ao todo, o setor de PCs da Dell teve um desempenho 20% melhor nos primeiros meses de 2021 do que no mesmo período do ano passado, enquanto a HP viu as vendas só de notebooks dispararem em 47%.

Os números divulgados pela fabricantes confirmam os relatórios de institutos como a Gartner, que confirmou o crescimento do setor de PCs mesmo durante a crise.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.
Dell e HP avisam: preço de PCs pode subir por falta de chips