Google LaMDA: ferramenta simula conversas reais com 'qualquer coisa'

1 min de leitura
Imagem de: Google LaMDA: ferramenta simula conversas reais com 'qualquer coisa'
Imagem: Google/Reprodução
Avatar do autor

O Google anunciou, nesta terça-feira (18), durante o evento Google I/O 2021, o LaMDA (Language Model for Dialogue Applications), uma nova ferramenta que utiliza linguagem neural para simular conversas reais.

Considerada uma evolução dos chatbots, a promessa é que a tecnologia "pode se envolver de maneira fluida em um número aparentemente infinito de tópicos". O CEO do Google, Sundar Pichai, exemplificou o uso do recurso simulando uma conversa de um usuário com o Plutão. O Planeta Anão deu "dicas" do que fazer caso alguém queira visitá-lo.

Essa não é a primeira iniciativa do gênero da gigante de tecnologia. A empresa já desenvolveu, por exemplo, o Duplex, um recurso do Google Assistente que imita a voz humana ao telefone.

LaMDA

A companhia explicou que a tecnologia levou anos para ser desenvolvida e tem como base a Transformer. A arquitetura do LaMDA funciona para que a inteligência artificial consiga ler muitas palavras, frases e parágrafos e correlacione como todos esses elementos se combinam. Isso permite "prever" quais palavras virão a seguir.

"Mas, ao contrário da maioria dos outros modelos de linguagem, o LaMDA foi treinado no diálogo. Durante seu treinamento, ele aprendeu várias das nuances que distinguem a conversação aberta de outras formas de linguagem", disse o Google.

A marca também pontuou que a ferramenta continuará sendo trabalhada, já que a ideia não é apenas trazer respostas convincentes, que façam sentidos, mas respostas que sejam corretas de acordo com o entendimento das interações humanas.

LaMDA

Por último, a gigante disse que está ciente das possibilidades que se abrem com uma tecnologia como essa e que está atenta para que ela não seja utilizada para espalhar preconceitos e discursos de ódio.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.
Google LaMDA: ferramenta simula conversas reais com 'qualquer coisa'