Alívio: EUA liberam Intel para fornecer chips à Huawei

1 min de leitura
Imagem de: Alívio: EUA liberam Intel para fornecer chips à Huawei
Imagem: Emin Menguarslan/Anadolu Agency/Getty Images
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Embora as constantes sanções dos Estados Unidos estejam prejudicando a sua sobrevivência no mercado de smartphones, a chinesa Huawei acaba de receber uma notícia para festejar, ou pelo menos ficar mais aliviada. Fontes da China confirmaram à Agência Reuters nesta terça (22) que a Intel recebeu uma licença das autoridades norte-americanas para retomar o fornecimento de chips para a multinacional chinesa.

Com as relações comerciais entre EUA e China prestes a atingir o seu ponto de ebulição, o governo de Washington tem pressionado diversas autoridades ao redor do mundo para boicotar a Huawei, utilizando o argumento de que a gigante das telecomunicações estaria espionando para o governo chinês.

Fonte: Amir Cohen/Reuters/ReproduçãoFonte: Amir Cohen/Reuters/ReproduçãoFonte:  Amir Cohen/Reuters 

Apesar de incluídas, desde 15 de setembro, numa espécie de “lista negra” com a qual as empresas americanas estão proibidas de vender ou prestar serviços, alguns fabricantes chineses obtiveram licença para fazer negócios com a AMD, a tradicional empresa de processadores da Califórnia. A AMD não divulgou os nomes dos beneficiados.

Isso confirma que, apesar dos discursos cada vez mais restritivos, os Estados Unidos continuam emitindo licenças para grupos locais negociarem com a Huawei e outros fabricantes chineses. O que leva a crer que, mais cedo ou mais tarde, a Huawei consiga restabelecer seus relacionamentos com fornecedores.

Enquanto isso, na China, muitos consumidores fizeram uma verdadeira corrida às lojas temendo que os smartphones da Huawei possam desaparecer das prateleiras. Com isso o preço dos aparelhos já aumentou 40% em relação a janeiro deste ano. Apesar disso, os chineses continuam comprando maciçamente os dispositivos da empresa.

News de tecnologia e negócios Deixei seu email aqui, e welcome to the Jungle.
Alívio: EUA liberam Intel para fornecer chips à Huawei