Vivo supera Samsung e vira 2ª maior marca de celulares na Índia

1 min de leitura
Imagem de: Vivo supera Samsung e vira 2ª maior marca de celulares na Índia
Imagem: https://www.vivo.com/en/products/v17?fromBanner=Home_top_bigBanner&fromBanner=Home_middle_left3#
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

A empresa de análise de mercado Canalys divulgou uma pesquisa sobre as remessas de smartphones no primeiro trimestre de 2020, na Índia. Os dados apresentados mostram que a Samsung acabou de ceder o segundo lugar na participação de mercado de celulares, naquele país, para a fabricante chinesa Vivo.

A Samsung ainda é a maior companhia de smartphones considerando sua participação de mercado em escala global. No entanto, em mercados específicos, a sul coreana tem enfrentado dificuldades para competir com outras fabricantes, sobretudo as que vêm da China. Nem mesmo a linha Galaxy A e M, da Sammy, tem sido boa e barata o suficiente pra manter as vendas em alta.

Observando a imagem abaixo, percebemos que as remessas de celulares na Índia cresceram 12% neste primeiro trimestre de 2020, em relação ao mesmo período de 2019. A Samsung cedeu lugar à Vivo porque, entre as cinco maiores fabricantes no mercado indiano, foi a única que registrou queda nas vendas, de 2019 a 2020.

Fonte: Canalys/ReproduçãoFonte: Canalys/ReproduçãoFonte:  Calays/Slashgear 

Ano ruim para a Samsung

Ter caído diante da Vivo no segundo maior mercado de celulares do mundo – atrás somente da China – não foi uma boa notícia para a Samsung. Além disso, parece que as vendas dos aparelhos Galaxy S20 não estão indo bem, devido a vários fatores, incluindo a pandemia da covid-19.

Parece que o mercado indiano não tem favorecido as companhias que produzem os aparelhos mais caros do segmento. Além da Samsung, Huawei e Apple também têm dificuldade de crescer por lá. Enquanto isso, em 12 meses, o crescimento da Vivo foi surpreendente. Já a OPPO foi superada por sua antiga subsidiária, a Realme.

A crise do novo coronavírus está causando prejuízo em vários segmentos da indústria. Adicionalmente, muitas pessoas, ou já perderam seus empregos, ou ainda correm o risco de ficar desempregados. Por isso, esse crescimento registrado pela Vivo na Índia, em um momento delicado para se fazer investimentos, pode ser considerado um feito realmente importante.

News de tecnologia e negócios Deixei seu email aqui, e welcome to the Jungle.
Vivo supera Samsung e vira 2ª maior marca de celulares na Índia