Google deve lançar cartão de débito próprio e conta digital

2 min de leitura
Imagem de: Google deve lançar cartão de débito próprio e conta digital
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

De acordo com imagens vazadas, a Google lançará seu próprio cartão de débito. Revelado pelo site TechCrunch, a gigante das pesquisas concorrerá com a Apple, que tem o Apple Card, e outras fintechs.

Assim como várias outras opções do segmento, a Google disponibilizaria controle total por um aplicativo próprio, que pode servir como uma conta digital. Como revelam as imagens, o correntista Google teria todo o ecossistema da companhia para monitorar o próprio consumo, além das conhecidas funções de pagamento por aproximação, cartão virtual para compras online e bloqueio de conta via app.

Capturas de tela do aplicativo para controle do cartão de débito.Capturas de tela do aplicativo para controle do cartão de débito.Fonte:  TechCrunch/Reprodução 

Para lançar o serviço, a Google precisa se adequar às leis norte-americanas. Sendo assim, deve se unir a instituições financeiras convencionais — e uma antiga declaração indica que Citi e Stanford Federal Credit Union são as mais cotadas para a parceria.

"Nós estamos explorando como podemos nos unir a bancos e instituições de crédito nos EUA para oferecer acompanhamento de contas mais inteligente pelo Google Pay. Hoje, a Citi e a Stanford Federal Credit Union são nossas maiores parceiras e esperamos poder dar mais detalhes nos próximos meses", declarou um porta-voz da companhia ao Wall Street Journal em novembro de 2019.

Uma conta-corrente comum, mas com Google

Segundo o vazamento, o sistema da Google atenderia às necessidades mais comuns de correntistas. O sistema poderia ser utilizado em lojas físicas, saques, transferências bancárias e compras online com os dados originais do cartão ou um cartão virtual gerado pelo app. Por falar nele, aparentemente todo o ecossistema Google fortalecerá o registro de consumo do cliente. Em uma das capturas de tela, é possível ver a localização da compra com endereço, nome e telefones de contato direto do Google Maps.

Ao que tudo indica, o cartão seria um reforço ao atual Google Pay, que provavelmente será o app gestor da conta. Assim que contratado, o aplicativo receberia um reforço de segurança, garantindo acesso apenas via PIN ou biometria.

Suposto cartão físico do Google Card.Suposto cartão físico do Google Card.Fonte:  TechCrunch 

Até o momento, o cartão apresenta visual minimalista e informações dispostas na vertical. Em uma das extremidades, ficaria o chip de bandeira Visa ou MasterCard. Em seguida, o nome do cliente, acompanhado da identidade visual do serviço e, por fim, a logo do banco parceiro. Mas tenha em mente que pode não ser exatamente como demonstrado, já que é apenas um vazamento.

Um prato cheio para a Google

Mesmo que escasso de informações, é provável que o Google Card seja um serviço gratuito. Além do dinheiro sendo passado pela companhia, a gigante aproveitaria todos os dados gerados pelas compras, resultando em um rico catálogo de informações sobre hábitos de consumo.

Ainda assim, não podemos afirmar que a Google invadirá a privacidade do próprio cliente. É preciso, portanto, ler atentamente os termos de uso do serviço quando ele for lançado. Ademais, não há previsão para lançamento do Google Card — tampouco indicação se chegará ao Brasil.

News de tecnologia e negócios Deixei seu email aqui, e welcome to the Jungle.
Google deve lançar cartão de débito próprio e conta digital