Foi veiculado que a Panasonic também havia cortado relações com a Huawei após o banimento dos Estados Unidos. Porém, a companhia japonesa afirmou hoje (24) que não encerrou a entrega de componentes para a Huawei, mas investiga se a ação norte-americana afeta seus produtos.

Segundo um representante da Panasonic em entrevista para a Reuters, “nenhuma transação com a Huawei foi suspensa no momento. Ainda estamos verificando se a proibição se aplica aos nossos produtos”.

Para entender tudo sobre a briga entre Estados Unidos e Huawei, acompanhe as notícias abaixo: