O Boticário usa tecnologia em nova loja e prepara perfume feito por IA

2 min de leitura
Imagem de: O Boticário usa tecnologia em nova loja e prepara perfume feito por IA
Avatar do autor

Durante a noite desta quinta-feira (21), a rede de cosméticos brasileira O Boticário inaugurou uma nova loja na cidade de Curitiba que utiliza a tecnologia para criar algumas experiências interessantes. O TecMundo foi convidado para o evento, com direito a um tour pela loja para conhecer as novidades.

Além de mostrar embalagens com NFC, sistema de pagamento via celular e um espelho que exibe tutoriais de maquiagem, a empresa aproveitou o momento para criar mais expectativa em cima do perfume desenvolvido por uma inteligência artificial que será lançado ainda neste ano.

O Boticário.Foto: O Boticário/Divulgação.

Quem passar pelo Shopping Pátio Batel a partir desta sexta (22) verá logo de cara que o ambiente é bem diferente dos outros pontos de venda da marca. Mesas de madeira e garrafas de vidro que mais parecem saídas de um laboratório de alquimia dividem espaço com telas modernas mostrando os produtos da empresa.

Entre os destaques da loja, que recebeu o nome de Boticário Lab, chama a atenção uma tela com instruções para usar diferentes tipos de maquiagem. Qualquer cliente pode tirar uma foto do próprio rosto, seguir o tutorial que aparece no visor e depois fazer um comparativo tirando outra foto. As imagens podem ser enviadas via e-mail, mostrando também quais produtos foram usados.

Tela com tutorial de maquiagem e análise microscópica de cabelo são alguns destaques da nova loja.

Outro detalhe novo é o uso da tecnologia NFC – a mesma utilizada em pagamentos com celular nas máquinas de cartão – para exibir mais informações sobre a linha Match da empresa. No mesmo local, é possível usar um microscópio para fazer a análise do cabelo e saber qual produto é ideal para você.

Além disso, a empresa destacou alguns detalhes feitos para aumentar a comodidade de quem está no local, como pontos de carregamento para celular (incluindo recarga sem fio), e a possibilidade de que qualquer vendedor possa finalizar a compra, o que acaba com a exigência de se dirigir ao caixa para levar os produtos.

Durante o evento, a marca também apresentou os perfumes da linha 214, que serão exclusivos dessa loja. O nome é uma referência ao local onde a primeira perfumaria foi aberta, antes mesmo de se tornar uma franquia, na própria cidade de Curitiba.

O Boticário.Nova loja da marca em Curitiba. Foto: O Boticário/Divulgação

Perfume com inteligência artificial

Uma das novidades mais aguardadas da empresa para esse ano é a nova fragrância com fórmula criada em parceria com uma inteligência artificial. Durante o evento, tivemos a chance de conversar com o perfumista David Apel, que assina o projeto, sobre esse novo trabalho.

Para ele, esse uso da IA é uma das coisas mais legais que já aconteceram em quase 40 anos de profissão. “É uma outra maneira de criar fragrâncias. Eu ainda posso ser, vamos chamar assim, o diretor criativo. Cada perfumista que utilizar o sistema da IA pode ler os resultados com sua própria visão. Em outras palavras: a IA cria, mas nós interpretamos”, disse David.

O perfumista também explicou que um dos aspectos mais interessantes desse uso da inteligência artificial envolve poder analisar as fórmulas de milhares de fragrâncias criadas ao longo de dois séculos e encontrar combinações que ainda não foram testadas.

Nome e outros detalhes desse perfume ainda não foram revelados. O que sabemos é que ele utiliza algoritmos da IBM Research e foi executada por uma das principais fornecedoras de O Boticário, a empresa alemã Symrise.

Categorias

Comentários

Conteúdo disponível somente online
O Boticário usa tecnologia em nova loja e prepara perfume feito por IA