O carregador híbrido da Dell, que possui uma parte que funciona como powerbank e outra como carregador propriamente dito, é realmente um produto prático e funcional. O powerbank fornece energia extra para o laptop, enquanto a segunda parte do conjunto carrega o dispositivo direto pela tomada.

Após o megafamoso episódio envolvendo o Galaxy Note 7, que continha uma falha em sua bateria, fazendo-o pegar fogo, ou, em alguns casos, até mesmo explodir, os consumidores ficaram mais alertas e tornaram-se mais exigentes quanto a esse tipo de problema, pois o risco de acidentes com ferimentos graves é grande.

Depois da Samsung, agora é a vez de a Dell passar pela infelicidade de ter peças apresentando defeito. Aparentemente, os carregadores híbridos da companhia estão desmontando e expondo componentes metálicos que, em uso, oferecem grandes chances de choque elétrico.

A Dell, mundialmente reconhecida por prestar um suporte pós-venda de alto nível, já solicitou o recall de 8,9 mil unidades vendidas nos EUA e 475 vendidas no Canadá. Provavelmente, os consumidores vão receber novos produtos fabricados sob revisão de padrão de qualidade.