Ela não é uma criptomoeda, mas a internet está tratando a “MacCoin” como tal. Já existem analistas discutindo o seu valor de mercado, bem como o fato de ela ser ou não ser um investimento. De qualquer maneira, a moeda física que o McDonald’s lançou neste fim de semana vai estrar amanhã (02) nos restaurantes da rede em dezenas de países, incluindo o Brasil.

A cada Big Mac comprado, você ganhará de graça uma MacCoin, e pode trocá-la por outro Big Mac até o fim de 2018 em qualquer restaurante da rede. Também é possível colecionar essas moedas, uma vez que a empresa de fast food está lançando cinco modelos diferentes. Isso porque, em 2018, o Big Mac faz 50 anos, e tudo isso é uma homenagem ao lanche mais famoso do McDonald’s. Dessa forma, haverá um modelo de moeda diferente para cada década em que ele esteve nos restaurantes pelo mundo.

Em um comunicado oficial, o CEO do McDonald’s comentou sobre a promoção. “A MacCoin transcende o dinheiro para comemorar nosso icônico burger global, enquanto dá aos clientes a chance de aproveitar um Big Mac de graça”, disse.

As moedas começarão a ser distribuídas amanhã na hora do almoço em todos os McDonald’s do Brasil e de vários outros países. A empresa também planeja fazer algumas promoções para distribuir mais dessas moedas.