De acordo com fontes do TechCrunch e do Financial Times, a Apple estaria negociando a compra do app de reconhecimento musical Shazam por algo em torno de US$ 400 milhões, o equivalente a R$ 1,3 bilhão. Não se sabe ao certo qual seria a intenção da Maçã com a aquisição da empresa, mas é possível o objetivo seja integrar a tecnologia de reconhecimento diretamente ao Apple Music ou mesmo ao iOS e macOS.

O Shazam é o mais popular app de reconhecimento de músicas do mercado ocidental e já conta com integração com o Apple Music. Ele também é capaz de identificar séries de TV e anúncios. Quando um usuário identifica uma música pela ferramenta, ele pode clicar em um link que o leva diretamente para o serviço de streaming e venda de faixas da Maçã. Contudo, o mesmo app também tem integração com o Spotify, algo que poderia desaparecer em uma eventual compra da desenvolvedora pela Apple.

Até segunda

De acordo com as fontes dos veículos citados, as negociações para a compra do app estariam sendo feitas no Reino Unido e já estariam perto de ser finalizadas. Um anúncio oficial sobre a compra poderia ser feito na próxima segunda-feira (11), mas existe a possibilidade de a aquisição não ser concretizada até lá.

A desenvolvedora do Shazam não é exatamente lucrativa, mas vem ano a ano diminuindo o tamanho de seu prejuízo

Esse valor de US$ 400 milhões, entretanto, está sendo considerado bem baixo para a compra do Shazam. Em 2015, o app teve uma rodada de investimentos e foi avaliado em US$ 1,02 bilhão, mais que o dobro do preço atual. A desenvolvedora do app não é exatamente lucrativa, mas vem ano a ano diminuindo o tamanho de seu prejuízo, o que poderia impactar no preço final de mercado. Ao que parece, a dona do Snapchat, a Snap, também teria tentado adquirir o Shazam.

Depois de aquisições de serviços menores, a Apple costuma encerrar os serviços e integrar a tecnologia comprada em seus próprios produtos. Caso isso ocorra neste caso, significaria uma perda para os usuários da ferramenta no Android. Essas pessoas, contudo, poderiam continuar identificando sons diretamente com o Google Assistente.

Cupons de desconto TecMundo: