O Nubank anunciou hoje que passará a utilizar a geolocalização dos smartphones de seus usuários para combater fraudes no cartão de crédito. A empresa enviou um email para seus clientes explicando que atualizou sua política de privacidade para prever essa nova ação. Em essência, quando alguma compra for feita no seu cartão de um local distante de onde você se encontra, o Nubank poderá rejeitar a transação e evitar dores de cabeça.

Poderemos a qualquer momento coletar dados do seu histórico de localização e, com isso, enriquecer os seus dados, tornar suas compras mais seguras...

Ainda assim, a companhia ainda não explicou em detalhes como isso vai de fato funcionar. O TecMundo entrou em contato com a empresa e vai atualizar esta notícia com eventuais esclarecimentos. De qualquer maneira, no seu email aos clientes, a operadora de cartões afirma que, caso o usuário não queira fornecer sua localização, ele pode revogar a permissão no momento da instalação ou nas configurações do sistema.

“Com essa permissão, poderemos a qualquer momento coletar dados do seu histórico de localização e, com isso, enriquecer os seus dados, tornar suas compras mais seguras, e também conhecer melhor o seu perfil de uso para ajustar o seu limite no futuro” lê-se no comunicado.

Caso você esteja interessado em saber exatamente o que mudou na política de privacidade da aplicação para Android e iOS, confira o texto completo neste link

Não curtiu?

Quem estiver preocupado com sua privacidade e preferir não oferecer geolocalização ao app pode acessar “Configurar” ou “Configurações” no Android e procurar “Aplicativos”. Selecione o Nubank na lista e, na próxima tela, toque em “Permissões”. Desative, por fim, a chave “Local” ou “Localização”.

No iOS, o caminho é Ajustes > Privacidade > Localização. Encontre o Nubank na lista e desative a chave.

Cupons de desconto TecMundo: