Imagine que você fez um depósito de US$ 1 mil por um Model 3, mesmo sem ter uma previsão de quando o carro seria entregue lá em 2016. Agora imagine que, com os anúncios de que o veículo começará a ser entregue ainda esta semana, você tenta entrar em contato com a Tesla e é sumariamente ignorado.

Essa situação é a realidade para diversas pessoas que estão tentando contatar, sem sucesso, a montadora de Fremont, em busca de algum indício sobre quando seus carros serão entregues. Alguns, inclusive, estão cancelando as suas reservas, enquanto outros querem aguardar o dia 28 para ver se a marca vai se pronunciar a respeito.

A maior parte dos clientes que fez sua reserva no primeiro dia em que a pré-venda se iniciou está despreocupada, mesmo com a falta de comunicação da empresa. Por outro lado, outras pessoas estão realmente apreensivas com um suposto prazo de 1 ano a 1 ano e meio de espera até receberem seus carros.

Há algumas semanas, Elon Musk afirmou que mais de 20 mil veículos serão produzidos até o fim de 2017 – o único problema é que, apenas no primeiro dia de pré-vendas, 200 mil reservas foram feitas.

Do lado da Tesla, a companhia tem conduzido toda a situação em um silêncio quase absoluto: notícias foram dadas para avisar que as primeiras 30 unidades seriam entregues ainda em julho e também quando algumas especificações vazaram na internet. De resto, boa parte do processo de lançamento do carro, que está sendo bastante aguardado no mundo todo por marcar a chegada de um elétrico “acessível”, ainda é um mistério

Cupons de desconto TecMundo: