(Fonte da imagem: Divulgação/Linux Foundation)

Segundo um comunicado oficial, a partir desta segunda-feira (05) a HP torna-se um membro Platinum da Linux Foundation. Mas o que isso significa? De acordo com as políticas da instituição, que trabalha para promover a plataforma de código aberto, a empresa agora é uma parceira de longo prazo, tudo porque fez um “investimento estratégico e de longo prazo” no desenvolvimento em Linux.

Antes membro Gold, a HP agora está no mesmo nível que empresas como Fujitsu, IBM, Oracle, Intel, NEC, Qualcomm e Samsung. As conversas teriam sido fáceis, já que a companhia sempre usou sistemas operacionais abertos e apostou em compartilhamento na nuvem, além de usar Linux em produtos como impressoras, servidores e outros equipamentos.

A partir de agora, a HP tem uma cadeira na mesa diretora da fundação e estará diretamente envolvida em todos os projetos e investimentos do grupo, que já conta com mais de 150 membros.

Cupons de desconto TecMundo: