A LG anunciou oficialmente o fim de uma era tecnológica na empresa. Segundo a Reuters, a fabricação de televisores de plasma será totalmente encerrada até o final de novembro deste ano. O aviso foi confirmado em um documento regulatório interno emitido nesta terça-feira (28).

Desde janeiro de 2013, a LG passou a adotar telas de LED e OLED nos principais produtos, mas linhas menores ainda contavam com a tecnologia. A substituição pelo cristal líquido não é uma questão meramente industrial: a demanda por essas TVs caiu muito e as vendas em 2013 totalizaram somente 2,4% da receita da sul-coreana.

O custo para produzir essas TVs até pode não ser o mais caro, mas o baixo lucro gerado não compensa mais a aposta nessa tecnologia. E essa atitude é uma tendência: a Samsung anunciou na metade do ano que também vai parar a fabricação de aparelhos de plasma em novembro de 2014.

A Reuters nota ainda que, segundo o NPD Display Search, a venda de televisores de plasma cairá de 2,5 milhões de unidades em 2014 para somente 500 mil em 2015 — ou seja, em uma provável queda sem volta.

Cupons de desconto TecMundo: