A LG acaba de divulgar os resultados financeiros do último trimestre de 2016 e as notícias não foram muito boas para a companhia sul-coreana. Pela primeira vez em seis anos, a empresa anunciou que teve perdas operacionais durante todo um trimestre — ou seja, os gastos realizados foram maiores do que o custo obtido por vendas, e o saldo de parte dos negócios da marca ficou no vermelho. Mais números (de custos e ganhos) são adicionados para fechar a conta final, mas esse é um importante resultado para investidores e gerentes internos.

Ao todo, os gastos totalizaram US$ 223,98 milhões. A LG explicou que o grande "culpado" é o smartphone LG G5, que obteve um desempenho em vendas bem abaixo do esperado e ainda demandou altos gastos em marketing. A empresa não divulgou o números exato de unidades vendidas.

Olhando o lado bom

Se o LG G5 não foi tão bem e fez até a LG abandonar a ideia de um aparelho modular (o G6 já vazou e é uma volta ao tradicional), o smartphone LG V20 teve uma ótima recepção do mercado e ajudou a companhia a não ter um resultado ainda mais negativo.

Em termos de números, também há novidades positivas: os lucros operacionais foram de US$ 1,16 bilhão em todo o 2016, um aumento de 12,2% em relação ao ano retrasado. O sucesso é explicado pelas altas vendas de aparelhos dos segmentos de casa e entretenimento.

Cupons de desconto TecMundo: