A LG já tem mostrado um desempenho decrescente há pelo menos dois ou três anos, mas o que deixou a empresa realmente preocupada foi o fracasso do LG G5 nas lojas. A concepção de modularidade do aparelho não agradou ao público, e Lenovo ainda resolveu eclipsar a concorrente com o lançamento dos Moto Z, que possuem uma pegada modular mais simples e prática. Agora, com o lançamento do G6 se aproximando, os primeiros rumores dizem que a coreana vai abandonar a modularidade em favor de resistência à água.

Essa informação vem do site coreano ET News e foi repercutida pelo The Investor, um braço do The Korea Herald, veículo que costuma publicar várias informações do tipo sobre as marcas coreanas. Contudo, é necessário considerar que estamos, por enquanto, apenas na dimensão dos rumores, e a LG não confirmou nada sobre o seu próximo top de linha.

Por qual razão?

De qualquer maneira, a fabricante teria tomado a decisão de fazer um smartphone à prova d’água pois existe uma pressão criada por outras concorrentes do segmento para que todos os top de linha da atualidade tenham essa certificação. A Google tem experimentando muitas críticas com o lançamento do Pixel sem o recurso, por exemplo.

Ademais, considerando o atual momento financeiro da LG, que anunciou recentemente uma reorganização do seu negócio mobile para torná-lo mais lucrativo, é provável que a companhia tenha resolvido apostar em algo mais seguro — um smartphone mais tradicional e com funções de maior apelo de marketing — do que modularidade, que é algo bem ousado.

Fala-se ainda na implementação de carregamento sem fio no G6, assim como a inclusão de algum sistema de pagamento mobile. Não se sabe, entretanto, se a LG pretende ajudar a Google a expandir o Android Pay ou criar o seu próprio sistema.

Cupons de desconto TecMundo: