Ser o chefe de estado da nação mais poderosa do mundo deve garantir uma série de regalias impressionantes. Nessa posição, Barack Obama deve desfrutar de vários benefícios e vantagens que nós, meros mortais, não temos direito. A responsabilidade, obviamente, também deve ser gigantesca. E que tal a chance de ter visto o primeiro iPhone antes mesmo de ele ter sido lançado oficialmente para o mercado? Obama teve essa oportunidade e antes mesmo de virar presidente dos Estados Unidos.

Em 2007, o atual chefe de estado do país teve a chance de conhecer o iPhone durante uma reunião privada com o então CEO da Apple, Steve Jobs. “Se fosse possível, gostaria de comprar um barco cheio de ações da Apple. Essa coisa será realmente grande”, disse Obama após a reunião.

Será que Obama estava certo?

O encontro foi presenciado pelo estrategista-chefe David Axelrod, que descreveu a cena no livro Believer: My Forty Years in Politics. Segundo o autor da obra, o atual presidente dos Estados Unidos ficou impressionado com o aparelho e, de acordo com os últimos resultados financeiros da Apple, parece ter acertado em cheio o futuro do aparelho.

Barack Obama, uma vez, já disse não poder usar um iPhone por razões de segurança. Atualmente, o presidente utiliza um BlackBerry exclusivamente personalizado para ele, o que também acontece com uma série de chefes de estado ao redor do mundo.

Nem todo mundo gostou

Apesar da confiança de Obama depositada no iPhone, nem todos mostraram o mesmo apoio que o presidente dos Estados Unidos. Steve Ballmer, na época o CEO da Microsoft, teceu duras críticas e riu do primeiro aparelho da linha da Apple. Não lembra? Então veja no vídeo abaixo, em inglês.

Obs.: estamos cientes de que, nas imagens, Barack Obama não está utilizando um iPhone.

Cupons de desconto TecMundo: