Os iPhones 6s e 6s Plus mal começaram a ser vendidos pela Apple, e um bocado de especialistas em consertos de gadgets já resolveram abrir seus modelos e conferir como eles são por dentro.

Entre as várias diferenças em relação à geração anterior, foi notada a presença de um adesivo que junta a parte frontal com o resto do corpo para impedir que a água invada o aparelho em caso de submersão. Isso garante, portanto, que o novo iPhone é mais resistente à água que seus antecessores.

Mesmo assim, isso não quer dizer que você já pode sair por aí mergulhando o smartphone na piscina. Ele ainda não é à prova d’água, e colocá-lo em situações inadequadas vai fazê-lo parar de funcionar eventualmente.

No vídeo que você confere, o pessoal do canal iFixYouri, do YouTube, fez um teste submergindo um iPhone 6s em água por apenas alguns minutos e, logo em seguida, abriram o aparelho. Foi constatado que ele realmente deixa menos água entrar, em comparação com o iPhone 6, mas ainda há uma grande possibilidade de ser infiltrado. Confira os buracos por onde a água ainda entra:

  • Porta Lightning
  • Aberturas dos microfones
  • Porta para fones de ouvido
  • Saídas de som frontal e inferior
  • Chave de vibração
  • Botões de volume

Mesmo com o iPhone 6s sendo mais resistente à água em comparação com seus antecessores, você teria coragem de entrar na piscina com ele? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: