Um dos possíveis e mais misteriosos destaques do iPhone 6 é a tela de safira, material fino, praticamente indestrutível e mais difícil ainda de ser riscado. Envolta somente em especulações até o momento, a tecnologia foi mais ou menos demonstrada a Kevin Bullis, do MIT, pela GT Advanced Technologies, suspeita de ser a fabricante dos displays para a Apple.

Ela é chamada de Hyperion 4 Ion Implanter Technology, enquanto o processo é o Proton Induced Exfoliation (PIE). O equipamento é um acelerador de íons e pode fazer finas camadas de diversos materiais caros. A máquina tem o tamanho de um caminhão de cimento e dispara íons de hidrogênio em um molde wafer de safira, implantando os íons a uma profundidade de 26 micrômetros e formando uma espécie de bolha.

Esse wafer é então removido e aquecido para que os ícons formem gás hidrogênio, expandindo e fazendo com que uma camada de safira com os mesmos 26 micrômetros de espessura se desprenda (mais fina que um fio de cabelo humano).

Como era antes

A safira é o óxido de alumínio cristalino e pode ser tanto encontrado na natureza quanto fabricado. É o segundo material mais duro, perdendo para o diamante, mas a falta de cuidado no processo de sintetização pode causar rachaduras.

Por isso, o meio convencional é serrar um cristal de até 40 cm de safira em wafers de centenas de micrômetros e, em seguida, transformá-las em placas ainda mais finas. Por último, é "só" polir o resultado. Uma tela inteira de safira é algo caro (pelo menos cinco vezes mais que a fabricação de um display convencional), demorado e não vale o investimento — a não ser em smartphones que custem uma fortuna.

Uma possibilidade mais simples e barata, entretanto, é somente laminar o vidro comum com safira.

E no iPhone?

A GT Advanced Technologies alega que precisa de nove meses para finalizar a produção de uma tecnologia que coloca os wafers automaticamente e, após o corte, empilha cada camada, possibilitando a produção dessas telas em massa. Esse prazo não é bom para o iPhone (especialmente se a versão de 5,5" for lançada junto), mas há quem diga que a empresa já tem o material pronto para o smartphone da Apple. A nova geração do gadget deve ser revelada em setembro — e, pelo jeito, só lá saberemos a composição desse display.

Cupons de desconto TecMundo: