A violinista americana Mia Matsumiya tem milhares de screenshots de mensagens e conversas que ela acumulou ao longo dos anos em suas diversas páginas na internet. Elas vão desde quando Mia mantinha um blog, passando pelo MySpace e chegando até o presente, em seus perfis no Facebook e Twitter.

Essa "coleção", contudo, é composta de imagens e mais imagens de todo o tipo de assédio ou de ameaças que ela já recebeu através da internet ao longo de vários anos.

No lugar de simplesmente continuar tolerando esse abuso, ela decidiu criar uma conta no Instagram e publicar todas elas, para mostrar como o anonimato da internet faz florescer o pior que há nas pessoas. Algumas vezes as mensagens não são nada anônimas, e nem são apenas de homens, o que talvez só torne a situação ainda mais revoltantes.

São pedidos para que ela envie suas roupas íntimas usadas, propostas para transar, “elogios”, declarações apaixonadas de completos estranhos e diversas ameaças de estupro. Se você domina o inglês, pode acessar o perfil perv_magnet (ímã para pervertidos, em tradução livre), que já conta atualmente com mais de 48 mil seguidores, e ler algumas das barbaridades que Mia tem recebido, como as mostradas na imagem abaixo.

Ela, no entanto, não se faz de coitada ou de vítima, e em cada mensagem acrescenta um comentário irônico ou indica o perfil do autor do texto para mostrar que não vai simplesmente abaixar a cabeça e fingir que isso não acontece ou que é algo que deve ser tolerado. Resta torcer para que mais pessoas internet afora resolvam seguir o exemplo de Mia  ou do hacker que tem derrubado sites de racismo e homofobia recentemente.

O que você acha que pode ser feito para que esses assediadores desapareçam da internet? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: