Pesquisadores japoneses criam uma cabeça de criança-robô com expressões faciais extremamente realistas. A equipe de cientistas, formada por Hisashi Ishihara, Yuichiro Yoshikawa e Minoru Asada, aplicou a inteligência artificial cognitiva para desenvolver o Affetto, como foi batizado o experimento. Confira no vídeo acima o resultado do trabalho do grupo pertencente à Universidade de Osaka.

O humanoide reproduz a cabeça de uma criança com idade de 1 a 2 anos e será utilizado para estudos relacionados com o desenvolvimento humano em estágios iniciais. Assim, será possível entender melhor como o comportamento humano é construído nos primeiros anos de vida. O Affetto deve ajudar a tornar as pesquisas mais realistas, mesmo sem a presença de crianças na amostra de avaliação.

A publicação descrevendo toda a pesquisa realizada pelo grupo JST ERATO Asada Project, liderado pelo professor Asada, foi divulgada durante a 28.ª edição da Conferência Anual da Sociedade Robótica do Japão. Os movimentos do Affetto são tão convincentes que o vídeo demonstrativo passa uma sensação ruim ao se assistir a uma cabeça de criança respondendo aos estímulos enviados.

Cupons de desconto TecMundo: