A cada mês, o Netflix libera a sua avaliação da qualidade de conexão com a internet de várias operadoras brasileiras e estrangeiras. Normalmente, as companhias conseguem manter suas velocidades no mesmo patamar ou melhoram a conexão de seus clientes. Em abril, entretanto, esse cenário foi diferente. Quase todas as operadoras brasileiras avaliadas pelo serviço de streaming registraram queda na sua velocidade média.

Somente a Algar conseguiu melhorar sua marca em comparação com o mês anterior, passando de 2,4 Mbps para 2,42 Mbps. As líderes Live TIM e GVT caíram em 0,04 e 0,03 Mbps respectivamente. A NET perdeu 0,05 Mbps. A maior queda foi a da Oi, que perdeu 0,09 Mbps em relação à medição média de março. A última colocada da lista continua sendo a Telefônica, tendo perdido 0,02 Mbps.

Nenhuma dessas variações é realmente significativa, mas é um tanto preocupante ver que as principais operadoras de internet no Brasil não conseguem melhorar suas marcas de transmissão em horário de pico no Netflix. Consequentemente, esse mesmo desempenho deve ter atingido a navegação dos clientes e outros serviços na web.

Copel Telecom, Vivo Fibra e outras operadoras menores não entram na medição do Netflix. A empresa não detalha o porquê.

Cupons de desconto TecMundo: