Na Playa Agua Dulce, no Peru, uma estrutura azul gigantesca fornece sombra para as pessoas que estão passeando pelo local enquanto educa sobre os métodos de prevenção de câncer de pele. Além disso, o local oferece um bom motivo para os turistas mudarem de comportamento: WiFi grátis para quem ficar na sombra.

O totem azul é equipado com um sensor que acompanha o movimento do sol e uma antena direcional que garante que apenas a área que está na sombra tenha acesso à internet, fazendo com que os usuários se desloquem ao longo do dia para se proteger do sol e garantir a conectividade.

Cada um dos abrigos pode suportar até 250 usuários, e várias destas estruturas podem ser instaladas na mesma praia.

Benefícios a mais

Apesar de ser pensado principalmente como uma troca educativa para fazer banhistas e pessoas em busca de um belo bronzeado procurarem sombra nos horários em que a intensidade dos raios solares é mais crítica – das 10 às 16 horas –, ele também oferece proteção contra o reflexo do sol na tela.

Além disso, as associações de combate ao câncer podem ter dados mais precisos sobre quanto tempo as pessoas conectadas estão passando na sombra.

A empresa responsável pelo projeto, Happinness Brussells, lançou o ponto de internet gratuita em parceria com a Liga Peruana Contra Câncer, mas pretende invadir outras praias em breve. As próximas da lista estão em São Francisco e na Nova Zelândia, só que a ideia é mais ambiciosa: instalar os totens de WiFi em praias do mundo inteiro.

Se este sistema chegar ao Brasil, não se esqueça de, mesmo na sombra, usar o protetor solar e de proteger o seu precioso gadget da areia.

Cupons de desconto TecMundo: