O protocolo IPv6 já foi considerado o futuro da internet, mas a verdade é que ele está prestes a se tornar a realidade do presente — você pode entender melhor como funciona esse sistema por este link. Hoje (20 de março), a Anatel informou que a tecnologia do IPv6 estará disponível oficialmente a partir do dia 1º de julho de 2015, sendo finalmente entregue aos consumidores das operadoras nacionais.

Hoje, diversos sites oferecem conectividade em protocolos IPv6 e IPv4 simultaneamente, mas a grande maioria dos consumidores domésticos tem acesso apenas ao padrão mais antigo. Com a mudança — também motivada pelo esgotamento dos protocolos IPv4 —, espera-se que haja mais segurança nas navegações, uma vez que também será mais difícil falsificar protocolos de acesso e distribuição.

De acordo com a própria Agência Nacional de Telecomunicações, além de usuários individuais, a adoção também será feita “pelos provedores de conteúdos, de serviços e de aplicações, como servidores de hospedagem, portais de conteúdo, websites, provedores de e-mail, comércio eletrônico, serviços bancários e de governo”. Isso significa que a navegação na internet será completamente reestruturada em questões de segurança.

É necessário dizer que os endereços IPv4 não serão extintos. Mas em localidades sem suporte para o novo protocolo, as operadoras de internet deverão oferecer conexões em IPv4 não compartilhado — novamente, algo que ressalta a segurança das redes. Todas as prestadoras de serviços ligados às telecomunicações devem se adequar às diretrizes da Anatel.

Cupons de desconto TecMundo: