Simulador de congestionamento da Fujitsu.

Fonte: Fujitsu

A Fujitsu, empresa japonesa de TI e telecomunicações, desenvolveu um simulador de congestionamentos em tempo real. O objetivo é estudar diferentes técnicas de comportamento do motorista e analisar o resultado. Além de melhorar o fluxo de carros em situações extremas, a experiência visa reduzir a emissão de CO² nos grandes centros.

Em um primeiro momento, o simulador de congestionamentos baseia seus dados nas ruas de Tóquio, cidade que já liderou o número de congestionamentos mundiais. Muito além de renderizar dezenas de milhares de veículos, o sistema calcula a rota e simula o comportamento de cada veículo do sistema em tempo real.

Analisa os dados em tempo real.

Fonte: Fujitsu

Na cabine de simulação, o “jogador” tem liberdade para dirigir e interagir com todos a sua volta. As ações do motorista virtual se refletem em todo o fluxo de carros, possibilitando o estudo do melhor comportamento para diferentes situações. A ideia é reduzir a intensidade das acelerações e frenagens, aumentando assim a eficiência do transporte.

Os primeiros resultados indicam ao motorista a velocidade ideal para atravessar semáforos e como manter essa velocidade. A Fujitsu estuda a hipótese de transmitir tais dados aos motoristas do mundo real de maneira simplificada. Para a empresa, os dados do experimento também ajudarão em novos sistemas de controle de trânsito.

Cupons de desconto TecMundo: