O maluco do video acima é Yves Rossy, 51 anos, mais conhecido como Jetman. O motivo do apelido é óbvio. Em 2006, ele foi a primeira pessoa a voar com asas presas em sua mochila. Mas isso não era o suficiente. Yves queria ser a primeira pessoa a voar, sem estar dentro de aviões, fazendo acrobacias. E ele conseguiu.

Como, quando, onde?!

Às 9h45min (horário da Suíça) do dia 5 de novembro, a 2,4 mil metros do chão, Yves Rossy saltava do balão de ar quente “Esprit Breitling Orbiter”, o qual era pilotado pelo balonista britânico Brian Jones (vencedor da primeira volta ao mundo de balão sem escalas). Com suas asas presas à mochila e os quatro motores ligados, o veterano dava mais um passo (ou seria voo?!) em direção à fama.

Depois de voar alguns minutos para estabilizar o corpo e se certificar de que tudo estava em perfeita ordem, Yves realizou dois loops completos em frente ao balão do qual saltara. Em seguida, ele abriu seu paraquedas e aterrissou em segurança em Denezy, em Vaud, Suíça.

O voo foi feito com as novas asas de Yves, as quais são ainda menores do que as utilizadas por ele no primeiro salto, e sem partes dobráveis. O novo protótipo, criado pelo próprio Yves juntamente com a RUAG Company, conta com uma aerodinâmica melhor, tornando-o bem mais estável.

As primeiras palavras de Yves após aterrissar foram: “Foi fantástico! O voo foi bom, apesar de um pequeno problema na hora de dar a partida em meus motores. Eu consegui fazer dois loops e estou muito feliz!”.

Cupons de desconto TecMundo: