Imagem de: Arquitetos franceses propõem um modelo de delegacia mais humano e ecologicamente correto

Arquitetos franceses propõem um modelo de delegacia mais humano e ecologicamente correto

1 min de leitura
Avatar do autor

O escritório francês de arquitetura Negroni Archivison mostra um modelo de delegacia de polícia totalmente diferente do que conhecemos.

O conceito do projeto é, antes de tudo, oferecer um novo modelo de prédio administrativo aberto à sociedade, sem esconder as mazelas inerentes. A delegacia é aberta a qualquer cidadão, porém separa o tráfego de pessoas em três centros: público, equipe e detentos.

O projeto é flexível no sentido de escala e adaptação a qualquer necessidade geográfica, ecológica e social, seguindo à risca diretrizes que visam reduzir a emissão de gases poluentes.

De-Lego-acia

A estrutura do projeto é moderna. Ela suporta diferentes módulos, como um Lego mesmo, montado para diferentes necessidades e especificações. Cada módulo conta com teto verde, plantas e receptores para transformar a luz solar em energia.

Projeto da Delegacia ecologicamente correta.Imagem: Negroni-Archivision

Os módulos são pré-fabricados e montados no local, adicionados à parte central da construção. O esquema “Lego” de montar, apesar de engenhoso, é considerado simples pelos arquitetos, flexível e economiza tempo durante a construção.

A fachada do prédio tem três “cascas” distintas. A primeira, na parte de baixo, é de metal para evitar danos em casos de violência, especialmente em áreas de risco. A segunda, no meio, é feita de um tipo de madeira que peneira e filtra a luz de acordo com a hora do dia. Orientados por sensores meteorológicos, essa camada muda de acordo com a hora, temperatura e velocidade do vento.

Já a camada mais acima é translúcida e tem elementos fotovoltaicos para transformar a energia solar em elétrica e assim abastecer a instalação. Curiosidade: as camadas responsáveis pela captação da luz se movimentam para aproveitar o Sol ao máximo.

Quando as camadas se fecham, cria-se uma espécie de duto de ventilação natural que ameniza o calor, o que torna desnecessário o uso de ar condicionado, por exemplo.

Camadas que movimentam para absorção da luz solar.Imagem: Negroni-Archivision

Evitando esbarrões

O estacionamento da delegacia pode ser externo ou subterrâneo e ele dá acesso direto à área de custódia, minimizando assim o tempo de deslocamento de uma pessoa potencialmente perigosa.

Três elevadores no jardim separam visitantes, cidadãos, encarcerados, vítimas e qualquer outra pessoa que queira registrar um BO (Boletim de Ocorrência) sem que uma esbarre na outra, evitando encontros indesejados.

O Centro de Comando fica no pátio, visível para todos, em um ponto onde todas as outras áreas ficam facilmente acessíveis.

Categorias

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Arquitetos franceses propõem um modelo de delegacia mais humano e ecologicamente correto