Você já cansou de esperar por atendimento em um restaurante ou barzinho? Como dita a boa e velha Lei de Murphy, parece que sempre que você precisa de um garçom eles nunca estão por perto. Entretanto, pense no cenário pelo lado deles: restaurante cheio, diversos pedidos para receber e levar nas mesas, contas para fechar e mais gente chegando.

Imagine como seria bom se eles pudessem saber quando um cliente ocupou uma mesa, precisasse de atendimento, um prato estivesse pronto e assim por diante. Facilitaria tanto a vida deles quanto a de quem está aguardando ansiosamente por seu pedido. Ben Coble desenvolveu um conceito de dispositivo que poderia facilmente se adequar a essa ideia.

O conceito do aparelho chamado Cinch foi criado em 2008 quando Ben Coble trabalhava para a Motorola. Para tal, ele efetuou uma série de pesquisas além de observações na área de comunicação para restaurantes. O Cinch seria um aparelho voltado para os garçons e garçonetes, que auxiliaria justamente com a parte de atendimento.

O aparelho

Embora não estejam especificadas as medidas exatas, pela descrição do aparelho, ele não deve ser muito maior que um Pager, porém no formato redondo. Junto com o aparelho há um “clip” para prendê-lo em um cinto junto ao corpo. A tela do dispositivo usa tinta eletrônica (e-ink) para diminuir o consumo de bateria, ao mesmo tempo em que proporciona um maior contraste da letra com relação ao fundo.

O visor do aparelho é composto da seguinte forma: na parte superior, há três números. O mais à esquerda indica a próxima mesa a ser atendida e o da direita representa a mesa que acabou de receber atenção do garçom. No meio, e representado por um número maior, está o cliente aguardando por atendimento.

Design do Aparelho

Fonte: Tuvie Design

Ao centro do aparelho é mostrado um ícone que indica a “necessidade” do cliente. Há quatro tipos de indicadores: comida pronta, bebida pronta, requer assistência e fechar conta. Quando um cliente precisa de algo, um sinal é mandado para o Cinch exibindo o tipo de necessidade e a mesa na qual o consumidor se encontra. Além disso, há uma Barra de status que indica o tempo de espera do usuário.

Visão geral do monitor do dispositivo

Fonte: Tuvie Design

O sistema necessário para o funcionamento

Como descrito anteriormente, o Cinch é apenas o aparelho do garçom. O funcionamento do sistema envolvendo o dispositivo seria da seguinte forma: Um monitor central na entrada indicaria a chegada de novos clientes e calcula o tempo de espera para o primeiro atendimento.

Em cada mesa haveria um dispositivo (touchscreen) para que o cliente fizesse um pedido ou solicitasse atendimento do garçom. Na cozinha também haveria um monitor para o recebimento de pedidos e informar o atendente de que os pratos estão prontos. O garçom utilizaria o Cinch e o monitor da mesa para notificar conclusão de atendimento.

Sistema de funcionamento

Fonte: Tuvie Design

Dessa forma, cada vez que um cliente entrasse no restaurante e ocupasse uma mesa haveria o registro da situação para posterior cálculo de espera. O cliente efetuaria o pedido pelo dispositivo presente na mesa direto para a cozinha ou enviaria uma mensagem solicitando atendimento de um garçom.

A cozinha receberia o pedido para começar a preparação ou o garçom receberia um sinal informando que o cliente precisa de assistência. Cada vez que os cozinheiros terminassem um prato, utilizariam seu monitor para informar ao garçom que o pedido está pronto juntamente com o número da mesa do cliente.

O garçom leva o pedido até a mesa (conforme indicado em seu Cinch). Em seguida, ele dá a baixa no atendimento no dispositivo presente na mesa do cliente.

Cupons de desconto TecMundo: