(Fonte da imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)

Você pode até pensar que a internet já está lotada de lixo, mas é preciso saber que, infelizmente, a tendência é que isso continue aumentando daqui pra frente. Segundo Mark Zuckerberg (ele mesmo, o fundador do Facebook), a quantidade de itens com pouca utilidade compartilhados na internet pode seguir uma lei parecida com a Lei de Moore – aquela que diz que o número de transistores nos chips dobra a cada 18 meses.

Seguindo cálculos similares, Zuckerberg chegou à conclusão de que, daqui a 10 anos, a quantidade de “lixo virtual” compartilhada em todo o mundo deve ser mil vezes maior do que hoje. Talvez no futuro esse número mostre-se um exagero, mas não é errado o modo como pensa o líder do Facebook. Afinal de contas, ele vê esse processo se desenrolar todos os dias.

Algumas das ferramentas que devem colaborar para o aumento na quantidade de compartilhamentos são a popularização dos smartphones (que levaram a internet para todos os lados) e também a chegada dos óculos de realidade aumentada, como o Google Glass (que deve trazer novas possibilidades de criação de conteúdos aos consumidores). Você tem alguma dúvida de que isso vai acontecer?

Fonte: CNET

Cupons de desconto TecMundo: