Google adia cobrança de usuários com contas gratuitas no G Suite

1 min de leitura
Imagem de: Google adia cobrança de usuários com contas gratuitas no G Suite
Imagem: Google
Avatar do autor

Em janeiro deste ano, a Google anunciou o fim do suporte para as contas "Edição Gratuita Legada do G Suite", garantindo aos usuários um prazo até o próximo dia primeiro de maio para realizar uma assinatura para planos do Workspace. Nesta semana, ao que parece, a empresa ofereceu uma extensão do período, para o dia primeiro de julho, visando promover uma transição "mais tranquila" para seus clientes.

Disponibilizadas até dezembro de 2012, as contas-legado gratuitas do G Suite ofereciam um conjunto limitado de aplicativos e recursos empresariais para os clientes da empresa. Com o fim de seu suporte, os usuários terão a opção de atualizar o serviço para sua nova versão ou entrar em uma fila de espera para realizar uma transição gratuita e sem perda de dados para o "Gmail comum" — naturalmente, perdendo os privilégios empresariais anteriores.

Após o período de transição, a primeira cobrança deve ocorrer somente no primeiro dia de agosto, para os que optarem pelo Workspace. Os usuários que desejarem participar da lista de espera pela opção gratuita permanecerão nela até estar disponível e, quando possível, terão um novo prazo de 60 dias para avaliar se desejam de fato a migração para esta modalidade.

Aplicativos e serviços presentes no antigo G Suite. (Fonte: Google / Reprodução)Aplicativos e serviços presentes no antigo G Suite. (Fonte: Google / Reprodução)Fonte:  Google 

Embora a Google afirme que as contas dos usuários que não optarem por um dos métodos de transição serão suspensas, ainda não está claro o que será exatamente perdido, além do acesso aos dados e serviços. A empresa ainda explica que estes usuários serão, inevitavelmente, migrados para o Workspace, mas que deverão realizar o pagamento de algum plano para recuperar seus benefícios.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.