NFT de Edward Snowden é vendida por mais de US$ 5,5 milhões

1 min de leitura
Imagem de: NFT de Edward Snowden é vendida por mais de US$ 5,5 milhões
Imagem: The Guardian
Avatar do autor

O ativista Edward Snowden, que balançou o mundo em 2013 ao expor um esquema de vigilância da Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos (NSA), agora está no mercado de NFTs.

Ex-técnico em segurança digital da CIA e desde 2020 um morador permanente da Rússia, Snowden colocou para leilão uma arte chamada "Stay Free".

Feita totalmente a partir de software livre, ela é uma montagem que forma o rosto do rapaz com a ajuda de páginas de uma ação judicial nos Estados Unidos. No texto, a corte confirma que o programa de vigilância que Snowden denunciou de fato violava leis do próprio país.

Stay Free.Stay Free.Fonte:  Foundation 

Ao todo, "Stay Free" foi leiloada por 2.224 ETH (Ethereum) — valor que atualmente equivale a US$ 4,8 milhões, mas recentemente chegou à cotação de US$ 5,4 milhões. A disputa foi acirrada, mas quem arrematou a arte única foi o PleasrDAO, uma organização descentralizada e autônomia (DAO, na sigla original em inglês) formada pela artista digital conhecida como pplpleasr.

Todo o dinheiro arrecadado será enviado para a Freedom of the Press Foundation (Fundação pela Liberdade de Imprensa), uma organização sem fins lucrativos que Snowden atualmente preside ao lado de outras figuras do ativismo digital.

NFT de Edward Snowden é vendida por mais de US$ 5,5 milhões