Brainly: tire dúvidas e aprenda sem sair de casa!

2 min de leitura
Imagem de: Brainly: tire dúvidas e aprenda sem sair de casa!
Imagem: Brainly/Divulgação
Avatar do autor

O Brainly é uma plataforma que reúne conteúdos das mais diversas áreas de conhecimento, incluindo os respectivos aos Ensinos Fundamental, Médio e Superior. Entre os campos de estudo abrangidos estão Matemática, Português, Física, Química, Administração, Pedagogia, Direito, entre outros. Há também uma seção dedicada especialmente àqueles que estudam para o Enem. 

Além disso, a plataforma promove a interação dos usuários, que podem fazer perguntas e responder eventuais dúvidas de outros estudantes, além de se adicionarem (como em uma rede social). Aliás, caso as respostas estejam corretas, os usuários recebem bonificações da plataforma, gerando uma troca orgânica. Abaixo, confira algumas dicas de como utilizar essa plataforma de estudos.

Como fazer perguntas no Brainly?

j  Kris Gaiato/Reprodução 

O primeiro passo é entrar no site https://brainly.com.br/, efetuar o seu cadastro e completar as informações para configurar o seu perfil. A partir de então, será possível realizar perguntas para a comunidade. Para isso, digite a sua dúvida na área indicada e selecione o campo de estudos ao qual ela pertence. Por fim, defina o valor de “pontos” que a resposta terá para quem respondê-la.

Se estiver pelo celular, o passo a passo é ligeiramente distinto. A primeira etapa, nesse caso, é buscar o aplicativo do Brainly na Play Store ou na App Store e baixá-lo. Em seguida, inicie seu cadastro, fornecendo informações e enviando uma foto de perfil, conforme solicitado. Feito isso, escreva a sua pergunta, determine os pontos e aguarde a resposta de outros usuários.

Como funciona o sistema de pontos?

Acima, explicamos que o usuário deve definir um valor para sua pergunta. Assim, aquele que sanar a dúvida será premiado com a pontuação. Ainda é possível adquirir pontos adicionais por meio de tarefas “diárias” que a plataforma propõe. 

Essas tarefas têm teor educacional e são uma forma de incentivar os estudantes. A título de exemplo, citamos um dos desafios mais comuns, que consiste em responder 10 perguntas de Enem em 48 horas em troca de 100 pontos. Ao aumentar a pontuação, o usuário sobe de nível e cresce na plataforma — e ainda adquire mais conhecimento.

Use o Google a seu favor

k  Pexels/Reprodução 

Embora a ideia central seja de que os usuários respondam com seus próprios conhecimentos, é interessante pesquisar o tema caso haja dúvidas. Dessa forma, o estudante poderá garantir que está compartilhando informações precisas.

Outro elemento importante na hora de responder é a linguagem: tome cuidado para adequar a sua resposta ao nível de escolaridade de quem está perguntando. Afinal, a ideia não é apenas repassar informações, mas fazê-lo de forma acessível.

Brainly: tire dúvidas e aprenda sem sair de casa!