Imagem de: Apagão no WhatsApp: Facebook 'explica' o que aconteceu

Apagão no WhatsApp: Facebook 'explica' o que aconteceu

1 min de leitura
Avatar do autor

Todo mundo por aqui certamente deve ter sentido de alguma forma o apagão que tomou conta do Facebook e de suas subsidiárias, o Instagram e o WhatsApp. Além de instabilidade, quedas, fotos e recados que demoraram ou não chegaram, entre outras reclamações, muita gente ficou na bronca porque atualmente precisamos bastante das redes sociais e dos mensageiros para nos comunicar não só para os assuntos pessoais como também a trabalho.

As primeiras manifestações aconteceram pela manhã, por volta das 10h, no horário de Brasília, e tiveram pico entre 11h e 14h. Os bugs mais comuns eram mensagens não enviadas/recebidas no WhatsApp e imagens “quebradas” no Facebook.

facebookFonte: DownDetector/Reprodução

Nesse horário, o Facebook emitiu um comunicado dizendo que estava ciente dos problemas e que vinha trabalhando para restabelecer seus apps.

Depois do dia todo balançando, a plataforma então emitiu um comunicado, já à noite, dizendo que o problema estava resolvido e pediu desculpas pelo inconveniente.

No final, a companhia disse que o apagão foi decorrente de um erro de “rotina de manutenção” e não deu mais explicações — o que é meio frustrante, já que aguardávamos uma descrição mais detalhada sobre o ocorrido.

Ainda não se sabe exatamente se há alguma ligação com a queda recente do Cloudflare, no início da semana. Mas, ao que parece, as coisas voltaram ao normal.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Apagão no WhatsApp: Facebook 'explica' o que aconteceu