O canal Creator Insider, um veículo oficial do YouTube para informar seus criadores de conteúdo sobre as novidades da plataforma, publicou nesta quinta-feira (23) informações sobre mudanças no sistema de anúncios da plataforma. Agora, todos os youtubers que contam com a possibilidade de monetizar seus canais poderão escolher se querem exibir anúncios “puláveis” — aqueles que você clica para finalizar depois de cinco segundos — ou “não puláveis”.

Em outras palavras, muitos canais devem acabar escolhendo o formato não pulável, que força o espectador a ver todo o anúncio antes de consumir seus vídeos. Isso porque, apesar de ser um pouco mais irritante, esses anúncios são relativamente curtos, mas geram muito mais dinheiro tanto para o YouTube quanto para os youtubers.

Até o momento, apenas alguns canais de marcas parceiras do YouTube podiam escolher mostrar apenas anúncios não puláveis em seus canais, mas agora esse recurso será distribuído para todos. Esse tipo de propaganda mais incisiva, contudo, dura entre 15 e 30 segundos apenas.

Para participar dessa novidade, os youtubers terão ativamente configurar seus perfis na plataforma para que isso tenha efeito em seus novos vídeos. Contudo, o YouTube mudará automaticamente todo o acerco de clipes antigos da plataforma para o formato dos anúncios não puláveis. Dessa maneira, se um criador não quiser que isso aconteça com seu canal, ele terá que ativamente desativar mais essa nova opção no seu perfil.

Apesar de anunciar essa mudança, o YouTube não informa quanto dinheiro os criadores poderão ganhar a mais com esse formato de anúncio não pulável. Contudo, após a mudança, a seção de análise de audiência desses canais vai mostrar de forma detalhada quanto dinheiro a pessoa está ganhando proveniente de cada tipo de anúncio que o YouTube entrega.