A quinta geração de internet móvel, a 5G, está em pleno desenvolvimento e os primeiros testes comerciais já devem ser realizados ainda este ano. Ela será essencial para o desenvolvimento da Internet das Coisas, veículos autônomos, casas e cidades inteligentes, entre outras coisas que exijam mais velocidade e potência com menor latência. A LG e a operadora Sprint afirmam que o primeiro smartphone com essa tecnologia deve chegar aos Estados Unidos ainda no primeiro semestre de 2019.

As quatro maiores provedoras ianques já possuem um cronograma de lançamento, entretanto, essas estreias por enquanto são das conexões WiFi nas maiores cidades do país. A Sprint é a quarta maior companhia e planeja liberar o 5G para celulares inicialmente em nove cidades — Atlanta, Chicago, Dallas, Houston, Kansas City, Los Angeles, New York City, Phoenix e Washington DC. Após a fusão com a T-Mobile, no valor de US$ 26 bilhões, o 5G ganhou prioridade na Sprint e o processo todo vem sendo acelerado.

Ainda que Sprint e T-Mobile afirmem que não possuam meios para construir uma rede 5G com amplitude nacional, os ativos de espectro e rede combinados podem oferecer um desenvolvimento mais veloz que as rivais da AT&T e da Verizon. Isso porque a T-Mobile possui ondas de longo alcance, de 600 MHz, enquanto as concorrentes possuem a frequência mmWave, com um raio potente, mas mais limitado.

5g

Fora essas informações, não se sabe mais nada sobre preço, configurações ou data de lançamento. Vale destacar que a Motorola adiantou que um acessório para o Moto Z3 deve trazer modem para 5G em breve e a Samsung também vem prometendo alguns aparelhos já equipados com suporte para 5G ainda nesta temporada.