É tanta banheira de Nutella, pegadinha sem graça e novela de Minecraft que virou moda falar que "youtuber nem é gente", ou que a plataforma de vídeos está repleta de conteúdos ruins. Não vamos entrar nessa questão, mas sim fazer o contrário. O novo quadro do TecMundo traz indicações de  canais que valem a inscrição para você perder o preconceito e abraçar novos criadores de conteúdo.

Muitas crianças que nasceram nas décadas de 80 e 90 eram simplesmente apaixonadas por dinossauros, e motivos para isso não faltavam. Você ligava a televisão e lá estava "Família Dinossauro", ou ia ao cinema conferir "Jurassic Park". Aí passava na banca de revistas para comprar aquelas edições de colecionador "Dinossauros!" da Editora Globo que, juntas, traziam um modelo de esqueleto completo de uma espécie. E, depois de tudo isso, comprava um chocolate Surpresa para guardar o cartão informativo.

Sim, o YouTube está cheio de canais incríveis produzidos por brasileiros e que abordam as mais variadas ciências. Mas tem um que não é tão badalado e é especializado na temática de paleontologia: o Colecionadores de Ossos.

Duas pessoas.Até experimentos que produzem fósseis de mentira já foram ensinados no canal.

O título parece de filme de terror, mas na verdade é um canal do casal Aline Ghilardi (paleontóloga e bióloga) e Tito Aureliano (paleontólogo e geólogo) sobre o estudo de fósseis, vidas e culturas antigas. O objetivo dos vídeos é não só dar uma verdadeira aula a respeito do tema favorito deles, mas também divulgar a produção científica e falar um pouco da vida desses profissionais acadêmicos — que está longe de ser tão emocionante quanto a dos personagens vividos por Sam Neill ou Chris Pratt no cinema, mas é empolgante para quem curte a área.

Os vídeos servem tanto para quem só adora dinossauros (que é só um pequeno percentual do setor de paleontologia) quanto quem já é pesquisador do setor ou pretende seguir uma carreira parecida.  

Curtiu o canal? Então clique aqui para conhecer mais.

Para começar

  • O "trailer" do canal apresenta um bom resumo do conteúdo.

  • "Jurassic Park" foi essencial pra despertar o desejo de muita gente em seguir na área. Mas ele também tem vários pontos negativos.

  • As viagens também são para trabalho e viram vídeos. Esse aqui inclui até uma lagoa glacial na Islândia e visitas a museus.

  • Quem pretende seguir uma dessas áreas tem nesse diário que mostra o exercício da profissão um conteúdo obrigatório.

...

Tem alguma sugestão de canal? Curtiu a nossa indicação? Deixe o seu comentário e aproveite para se inscrever em outra indicação do site de vídeos: o canal do TecMundo no YouTube. Até a próxima!