Uma série de mudanças na ferramenta de busca da Google será feita tendo em mente quem está em busca de um emprego ou de empresas que precisem de novos funcionários. Essa conversa vem rolando desde maio, no Google I/O, quando a companhia anunciou o programa Google for Jobs. A ideia é ter acesso aos valores de salário de uma infinidade de cargos e mostrar para o usuário uma estimativa de quanto ganham profissionais em funções específicas.

Quando um empregador lista um salário específico, a pesquisa do Google vai comparar o valor com a estimativa geral

Assim, quando um usuário realiza uma busca sobre um cargo de trabalho com o serviço em funcionamento, ele pode ver, além de uma descrição breve daquela função, a média salarial (inicialmente nos Estados Unidos) que as empresas costumam pagar, não de maneira específica para uma vaga, mas usando dados fornecidos pelo LinkedIn, Glassdoor e PayScale de maneira mais geral.

Quando um empregador lista um salário específico, a pesquisa do Google vai comparar o valor com a estimativa geral. Isso vai ajudar quem busca um novo emprego a decidir se vale a pena ou não se candidatar a ele. A ideia da empresa é dar mais informações para seus usuários e facilitar a vida de quem está atrás de um emprego e precisa de melhores referências de salário para tomar suas decisões.

Ainda não há previsão para o funcionamento do recurso no Brasil.

Cupons de desconto TecMundo: