Todos os anos, a Intel realiza um grande evento de desenvolvimento para mostrar a evolução de suas tecnologias para o mercado internacional. Trata-se da Intel Developer Forum, que é mais conhecida pela sigla “IDF”. Neste ano, a conferência teve início no dia 18 de agosto e ficou marcada pela apresentação de várias novidades bem legais — que chegam até mesmo a uma aranha robótica dançarina.

Você pode conferir todos os detalhes do evento agora mesmo, nesta seleção que fizemos com tudo o que foi exibido pela Intel. Quais serão as grandes cartas que a fabricante está preparando para agitar o mercado nos próximos anos? É o que nós vamos descobrir agora mesmo...

Vale mencionar o que Brian Krzanich (CEO da Intel) disse no começo do evento: “O futuro da tecnologia está na sensificação. Os elementos serão inteligentes e conectados. A tecnologia está se tornando uma extensão dos usuários”. E isso tudo fica bem claro nas demonstrações que a fabricante fez.

RealSense chegando aos smartphones e games

Um dos destaques da apresentação ficou por conta de uma parceria que a Intel realizou com a Google. As empresas criaram um protótipo de smartphone Android com câmera 3D e sensor de movimento. Ele foi desenvolvido graças a uma parceria entre as equipes da Intel RealSense e do Google Tango — dois projetos que utilizam o scan de profundidade para câmeras de eletrônicos.

A tecnologia RealSense também está alçando novos voos para o mundo dos games. De acordo com o que foi apresentado pela fabricante, a proposta está em fazer com que elementos reais que estiverem ao redor dos jogadores sejam transportados para o mundo virtual. Também foi revelado que a Razer vai usar a RealSense para o lançamento de um novo produto em 2016, mas ainda não existem informações mais concretas sobre o que será.

Internet das Coisas e segurança

Anos atrás, a Intel encabeçou um projeto que levou diversas empresas a investirem na conectividade entre produtos e pessoas: a Internet das Coisas. Agora, a empresa volta a tocar no assunto para falar sobre a segurança que vem sendo cada vez mais necessária nesse tipo de produto e soluções inteligentes — uma vez que ninguém quer seus produtos controlados por pessoas sem autorização, é claro.

Por isso, a empresa desenvolveu um novo protocolo de segurança para o que estiver envolvido com Internet das Coisas. Trata-se do “Enhanced Privacy Identification” (Identificação de Privacidade Aumentada, em português). Isso fará com que as comunicações e trocas de dados aconteçam em níveis muito mais seguros, podendo ir até mesmo aos limites dos chips.

Uma outra novidade relacionada aos sensores e à Internet das Coisas foi demostrada de um modo bastante radical: como monitores acoplados a uma bicicleta BMX puderam ser usados para enviar informações em tempo real sobre velocidade, peso, angulação das manobras e outros dados. Tudo o que pode ser usado por atletas e técnicos em busca de melhorias na performance.

Novidades para wearables

No ano passado, a Intel anunciou que estava se unindo à Fossil Group para a produção de alguns eletrônicos vestíveis — sendo que os smartwatches eram as apostas mais prováveis. Agora, as duas empresas voltam a sinalizar para o mercado, deixando claro que os primeiros produtos criados pela parceria devem chegar em um futuro próximo — sendo que os smartwatches terão conectividade com a internet e Android Wear.

Outro vestível que foi apresentado ainda é um protótipo sem nome comercial. Estamos falando de uma pulseira de autenticação criada para permitir que as empresas controlem o acesso de funcionários a equipamentos eletrônicos — permitindo até mesmo o desbloqueio das máquinas por meio de aproximações.

Para ressaltar o compromisso com os wearables, a Intel anunciou uma parceria com o United Artists Media Group para a produção de um reality show chamado “America’s Greatest Makers”. No programa, inventores vão colocar tecnologias vestíveis para competir até a premiação do melhor dispositivo eletrônico.

Robótica dançarina

No final da apresentação, o CEO Krzanich falou um pouco sobre robótica. Então, ele apresentou uma grande aranha-robô que pode ser controlada por gestos de um modo bem dinâmico. Por causa das articulações e ajustes de mobilidade, ela é até mesmo capaz de dançar.

.....

De qual das novidades da Intel na IDF 2015 você gostou mais?

Cupons de desconto TecMundo: