Finalmente, o Google Street View está lançado no Brasil. Agora, quem acessa o Google Maps pode se divertir com passeios por 51 cidades brasileiras. Dessa maneira, o país é o primeiro da América Latina a ser contemplado pelo serviço.

São Paulo (e todos os municípios da Grande São Paulo), Rio de Janeiro e Belo Horizonte são apenas algumas da lista, que inclui também pontos históricos como Ouro Preto, por exemplo. Ao todo, foram percorridos 150 mil quilômetros de vias por essas cidades.

Marcelo Quintella, gerente de produtos da Google no Brasil, afirma que o conteúdo deve ser disponibilizado aos poucos a partir de hoje. Como é de praxe da Google, nem todos os usuários são contemplados ao mesmo tempo. A expectativa é de que todos possam acessar os mapas até a próxima segunda-feira (4).

A Catedral da Sé, em São Paulo, no Street View.

Mas ainda hoje, até o final do dia, a Google vai lançar o site exploreostreetview.com.br, uma espécie de “palhinha” do serviço completo. Nesse site, os usuários poderão interagir com o serviço, enviando sugestões de locais interessantes de serem visitados.

Capitais e regiões metropolitanas devem ser as próximas áreas a serem mapeadas. Isso deixa os planos iniciais da Google mais abrangentes: antes a ideia inicial era mapear primeiro as cidades-sedes da Copa do Mundo de 2014.

A primeira fase do mapeamento foi feita com veículos da montadora Fiat. Nesta segunda fase, começam a surgir obstáculos, mas já há soluções também.

Os veículos que monitoraram as cidades.
Imagem: Divulgação/Fiat

Para locais de difícil acesso, o Street View tem duas “armas”. A primeira é a utilização de fotos tiradas por usuários em um passeio virtual. Assim fica mais fácil observar pontos turísticos, como o Cristo Redentor.

A segunda é um triciclo. O Trike, utilizado para mapear as ruas mais complicadas. O veículo já foi utilizado em ruas estreitas da Itália e é ideal para mapear cidades históricas ou áreas como parques, por exemplo.

Ajude a amenizar os problemas das fotos

Nas cidades de Belo Horizonte e Rio de Janeiro, algumas imagens registraram corpos nas ruas. A Google removeu algumas dessas imagens e afirma que há um link no serviço para que os usuários registrem cenas impróprias para remoção.

Por padrão, as imagens do Street View têm rostos e placas distorcidos automaticamente. Mesmo assim, é possível pedir a retirada de uma imagem se você não quiser mostrar sua casa, carro e até mesmo você caminhando pela rua.

Toda imagem do Street View tem um link, no canto inferior esquerdo: "Informar um problema". Clique nesse link e preencha o formulário, explicando os motivos para retirar a imagem do ar. Você recebe, no endereço de e-mail fornecido, a confirmação de recebimento do pedido. Não há prazo para a análise da solicitação.

Mesmo com o rosto borrado, é possível pedir a retirada de uma imagem caso seja possível reconhecer uma pessoa por qualquer maneira através da foto. Imagens com conteúdo inadequado também podem ser reportadas para análise.

Use este link para reportar imagens inadequadas ou para pedir a retirada de sua casa, por exemplo.

Imagens do Street View

Confira na galeria abaixo algumas fotos de pontos históricos das cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Congonhas.

 

 

Cupons de desconto TecMundo: