Hoje, já com seus 12 aninhos e quase 1,5 bilhão de usuários, o Facebook é simplesmente uma das maiores potências da internet. Mas muita gente se esquece que, apesar de tudo, ele também teve um começo dos mais humildes. Antes de ser a maior rede social do mundo, o serviço nem mesmo era chamado como fazemos agora; na época, ele era conhecido como “Thefacebook”.

Mais curioso do que tudo isso, no entanto, era o seu visual. Se mesmo nos tempos atuais o serviço já mudou bastante de aparência, a diferença é gritante se comparada a como era lá em fevereiro de 2004. Basta ver a imagem logo abaixo para ter uma boa ideia de como o design da rede social era muito mais simples – embora ainda muito bom para os padrões da época.

Percebeu que o site não tinha muitas de suas funções disponíveis atualmente? Pois é, nada de jogos, apps e muito do que torna o Facebook tão famoso hoje em dia. Nem mesmo alguns de seus itens mais adorados e utilizados atualmente – sim, estamos falando do feed de notícias e dos Likes – faziam parte do site original.

Para dar uma noção dessa longa jornada, o sistema de feeds só entrou em funcionamento em setembro de 2004, enquanto a possibilidade de postar fotos, só um ano depois. Sim, são coisas que parecem ridículas por estarem ausentes na época, mas é bom lembrar que o Facebook foi basicamente o serviço que criou os “padrões” para as redes sociais.

Do “Thefacebook” para o “Facebook”

Ficou impressionado com a imagem logo acima? Acredite: há muito mais para ver das mudanças sofridas pelo site ao longo de sua vida, tanto em visual quanto em funcionalidades. Confira algumas delas abaixo.

2004

Em seu início, essa era a página que você encontraria ao acessar o Facebook; ou melhor, o Thefacebook. Apesar de já trazer as cores que foram mantidas até hoje, todo o resto mudou no serviço. Isso inclui até mesmo o foco da rede social, que antes existia apenas para os estudantes da Universidade de Harvard e tinha como objetivo somente ajudar os alunos a conhecerem aqueles que estudavam com eles no campus.

2005

Ainda com o mesmo visual da versão original, o Thefacebook já apresentava uma série de novas ferramentas nessa época, como a possibilidade de criar um perfil mais completo e realizar o upload de fotos.

2006

Foi nesse ano que o serviço ganhou seu primeiro redesign, que o tornou muito mais moderno – embora bem mais abarrotado. Junto disso, tivemos também a adição do feed de notícias para o perfil do usuário, que acabou por se mostrar uma das mais importantes adições ao serviço. Ah! E não podemos nos esquecer que, já nessa época, Zuckerberg havia finalmente decidido apenas adotar o nome de “Facebook” para a rede social.

2008

Finalmente, um Facebook já com uma cara reconhecível! Muito mais parecido com a versão atual do serviço, 2008 marcou mais uma mudança de design drástica na rede social, que ficou com uma cara mais limpa e moderna.

2009

Apesar de não trazer tantas mudanças de visual, a interface da rede social ganhou uma série de novidades, como uma abordagem diferente para o feed de notícias e a primeira versão do conhecido campo “No que você está pensando?”.

2010

Depois de alguns anos, chegou a hora de mais uma mudança das grandes no visual do serviço. Dessa vez, a interface ficou ainda mais limpa e com mais espaço para você ver suas novidades na página. Foi nessa época também que tivemos o nascimento das fanpages, usadas por todo tipo de empresa e celebridade para se comunicar com o público.

2011-2012

A nova interface mal chegou, e já tivemos mais uma alteração enorme na interface da rede. Foi em 2011 que o conceito de um “mural” foi totalmente abandonado; no lugar disso, o Facebook passou a adotar o sistema de linhas do tempo, que permanece até hoje com um número relativamente pequeno de mudanças – e que ganhou ainda mais novidades em 2012.

2013-2016

Como dito anteriormente, os anos seguintes desde a adição da timeline não trouxeram grandes mudanças para a rede social, que apenas se limitou a simplificar ainda mais as ferramentas que já oferecia. É claro, a interface possui um bom número de diferenças, mas não se compara aos primeiros saltos de design dos anos anteriores.

.....

Ao fim disso tudo, já deve ser bastante óbvio que o Facebook passou por um número absurdo de mudanças – e isso que só estamos falando da parte visual, sem considerar a enorme quantidade de adições constantes ao serviço. E não espere que eles desacelerem, é claro: tudo indica que, com o passar dos anos, devemos ver o serviço se tornar cada vez melhor.

O que você espera para o futuro do Facebook? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: