De acordo com o site Re/code, o Facebook está oferecendo a produtores de conteúdo em vídeos como a NBA, Fox Sports e a Funny or Die uma proposta de divisão das receitas geradas por anúncios.

O sistema funcionaria como no YouTube, em que o canal recebe 55% do valor gerado com propagandas e a dona da plataforma fica com os outros 45%.

É a primeira vez que o Facebook faz um programa de divisão de receitas. Com isso, a intenção aumentar a quantidade de conteúdo em vídeos na rede social. A empresa de Mark Zuckerberg afirma, ainda, ter uma vantagem: a plataforma vai poder oferecer os vídeos ativamente, direto na timeline, em vez de precisar seguir um link.

Feed de vídeos

O esquema de divisão de receita não vai funcionar com qualquer clipe, mas somente com aqueles que aparecerem nos "vídeos sugeridos". Essa área nova é como o feed de notícias, mas somente com conteúdos desse tipo de mídia. Por exemplo, se você clicar em um vídeo de snowboard no feed, será levado para a parte de vídeos sugeridos, em que poderá conferir esse e outros clipes similares. E é aqui que aparecem as propagandas.

A funcionalidade confirma que esse tipo de conteúdo é prioridade para o Facebook. Agora, resta saber quantos criadores se interessarão pela receita dividida. Na plataforma da Google deu tão certo que até criou uma leva de "celebridade de YouTube", os famosos YouTubers.

O Facebook espera implantar o recurso de vídeos sugeridos no aplicativo para iOS nas próximas semanas, enquanto no Android e na web devem aparecer nos próximos meses.

Cupons de desconto TecMundo: