A divisão de mapas da Nokia, o Here, está à venda, e um dos compradores pode ser o Facebook. No entanto, antes de isso acontecer, as duas empresas fizeram um acordo para que a rede social passasse a usar os mapas do Here. Isso já está ocorrendo quando se acessa o site com navegadores mobile.

Além disso, de acordo com a empresa de Mark Zuckerberg, a companhia está testando esses dados geográficos nos aplicativos Messenger e Instagram, permitindo maior "controle e flexibilidade em entregar uma experiência de mapas mais consistente".

Por enquanto, o Here não está sendo usado no aplicativo do Facebook nos celulares (no iOS, por exemplo, aparece o serviço da Apple ou o Google Maps, se o usuário tiver esse app instalado no aparelho).

De acordo com o site TechCrunch, o fato de o Facebook estar revisando suas opções de mapa não deve ser surpresa para ninguém, já que ter uma boa tecnologia de localização para os usuários criarem tags de onde estão permite um serviço mais rico. Além disso, é possível controlar melhor os anúncios baseados em geolocalização.

E para quem será que o Here será vendido? Além do Facebook, empresas como Apple, Samsung, Uber, Baidu, Alibaba, Tencent e Yahoo! estão no páreo, segundo o TechCrunch.

Cupons de desconto TecMundo: